sexta-feira, 24 de março de 2017

Royalties do petróleo com queda para municípios da região


Os royalties do mês de março entrarão nos cofres dos municípios produtores de petróleo nesta sexta-feira (24). Apesar do aumento significativo em relação ao mesmo mês de 2016, o repasse às prefeituras da região é menor que o de fevereiro deste ano. O depósito para Campos será de R$ 31.632.707,84, o que representa uma queda de 7,28% em relação ao mês passado, mas um aumento de quase 64% se comparado ao de março de 2016.

O valor a ser pago à Prefeitura de São João da Barra nesta sexta é de R$ 7.515.501,30, uma redução de 2,68% em comparação a fevereiro e um aumento de 49,5% em relação a março do ano passado, quando o município recebeu R$ 5.026.800,09.

Para o município de Macaé serão repassados R$ 35.274.541,86, enquanto no mês passado o depósito foi de R$ 37.525.209,16 (-6%) e em março de 2016, de R$ 18.500.131,30 (+90,67%). A Prefeitura de Quissamã, que recebe nesta sexta-feira R$ 5.085.647,30, é a que registra a maior queda este mês, em comparação com fevereiro, de 7,94%. Em relação ao mesmo mês do ano passado, houve um crescimento de 83,8%.

— Não contava com essa pequena queda para este mês. Ultimamente a ANP (Agência Nacional do Petróleo) tem recebido tanta demanda judicial que fica difícil sabermos se o que influenciou foi preço, produção, alguma decisão judicial ou câmbio, mas acredito ter sido a variação no câmbio em janeiro. Temos a expectativa do novo cálculo como positivo, porém, o preço do Brent caiu para US$ 50, devido a alguns pontos, principalmente à política protecionista de Trump nos EUA e à retomada de investimentos no Shale Gas e na indústria local — ressaltou o consultor na área de tributação fazendária e ex-superintendente de Petróleo e Tecnologia de São João da Barra Wellington Abreu.







Fonte: Folha da Manhã

Campos: lotérica na Pelinca, é alvo de assaltantes

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Uma lotérica que fica na Avenida Pelinca, em frente ao Edifício Pelincão, em Campos, foi assaltada na manhã desta quinta-feira (23).

Segundo a polícia, clientes e funcionários foram rendidos por dois homens armados que chegaram ao local em uma moto de cor amarela. Foram levados aproximadamente R$ 1.500 do estabelecimento. Os funcionários preferiram não comentar o fato.

Até a publicação desta matéria ninguém havia sido preso.

O caso foi apresentado na 134ª DP/Centro para investigação.






Fonte: Campos24horas

Adolescentes detidos com notas falsas em Grussaí

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Dois adolescentes foram detidos com notas falsas por volta das 20h30 de ontem, 22, em Grussaí, distrito de São João da Barra.

De acordo com a polícia, após denúncias de que elementos estariam passando notas falsas, viaturas procederam ao local onde um homem de 14 anos teria trocado uma nota falsa de R$ 100. Com informações passadas pelo proprietário lesado, buscas foram feitas nas redondezas no intuito de localizar o jovem, logrando êxito em abordá-lo próximo ao super mercado do JOCA, em Grussaí.

A polícia acrescenta, ainda, que foi feita a devida revista no adolescente de 14 anos que estava com outro de 15 anos e no bolso de um deles foi encontrada uma nota de R$ 100 falsa e com o outro, esse reconhecido pelo proprietário lesado, uma nota de 20 e outra de 10 reais.

A ação foi realizada pela Guarnição Delta 16, através dos sargentos Adriano e Tavares com informações passadas pelo sargento Rogério.

O caso foi registrado na 145ª Delegacia de Polícia de São João da Barra.




Fonte:Parahybano

Prefeito Rafael Diniz cumpre agenda em Brasília: parcerias e aeroporto

(Foto: Divulgação)
O prefeito de Campos, Rafael Diniz, manteve nesta quinta-feira (23) uma agenda positiva de reuniões em Brasília, onde tenta viabilizar parcerias de interesse para a população campista e resolver problemas deixados pela gestão passada. O prefeito foi recebido pelo ministro da Defesa, Raul Jungmann, da Cultura, Roberto Freire, e também por diretores da Secretaria de Aviação Civil. Quem também recebeu Rafael foi o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

No encontro com o ministro Raul Jungmann, Rafael Diniz propôs parcerias entre as forças armadas com o município para utilizar o espaço do antigo 56º Batalhão de Infantaria (BI) em benefício da população.

— Nosso objetivo é realizar naquele ótimo espaço atividades esportivas com nossas escolas públicas, com nossas comunidades e também aproveitar nos finais de semana. É tornar aquele local um centro de referência para a prática de esportes — afirma o prefeito.

Já no Ministério da Cultura, três pautas foram apresentadas ao ministro Roberto Freire: reforma do Palácio da Cultura, o projeto Orquestrando a Vida e o Festival Doces Palavras (FDP). “Tivemos a oportunidade de explicar a situação que encontramos o Palácio da Cultura e negociar recursos para conclusão da obra, quer sejam recursos do próprio Ministério ou pela Lei Rouanet. O ministro Roberto Freire se colocou à disposição para, junto ao município, encontrar o melhor caminho para viabilizar a reforma”, explicou Rafael Diniz, lembrando ainda que o projeto Orquestrando a Vida e o Festival Doces Palavras (FDP) também foram abordados no encontro.

— Explicamos para o ministro a importância do Orquestrando a Vida para o nosso município, o trabalho de excelência que é realizado e a necessidade de uma parceria com o governo federal para viabilizar recursos para o projeto. Também pudemos discutir a possibilidade de o Ministério apoiar o Festival Doces Palavras, que vai acontecer em setembro. A ideia foi muito bem recebida pelo ministro, que já colocou uma equipe à disposição para elaborar uma forma de apoio — comentou o prefeito de Campos, afirmando que também foram iniciadas as conversas para a realização da Bienal do Livro em 2018.

Também nesta quinta, Rafael esteve reunido na Secretaria de Aviação Civil do Ministério dos Transportes, onde discutiu a questão do Aeroporto Bartolomeu Lysandro, que atualmente está sob intervenção da Aviação Civil por conta de dívidas.

— Este é mais um dos problemas deixados pela gestão anterior e que vamos resolver. Houve uma intervenção que irá até o dia 29 de março e, caso não houvesse um acordo, Campos poderia perder o Aeroporto, que é de extrema importância para o desenvolvimento econômico da nossa cidade. Tivemos um bom diálogo, expusemos o nosso plano de ação, que está sendo montado para resolver essa questão e as negociações e estão avançados. Provavelmente vamos garantir um tempo maior para apresentar um projeto e garantir a gestão do aeroporto —, afirmou o prefeito Rafael Diniz, que esteve acompanhado do deputado federal Júlio Lopes e recebido pelo Diretor do Departamento de Outorgas, Ronei Glanzmann, e o Coordenador Geral da Aviação Civil, Fabiano de Carvalho.

Por fim, Rafael esteve reunido com o presidente da Câmara dos Deputados discutindo possíveis parcerias entre o governo federal e municipal que ajudem na reconstrução da cidade de Campos.






Fonte: Comunicação PMCG

Centro de Emergência de SJB transferido para Santa Casa

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Secretaria de Saúde de São João da Barra concluiu na noite desta quinta-feira, 23, a transferência dos serviços do Centro Municipal de Emergência Dr. Pedro Otávio Enes Barreto para as instalações térreas do prédio que abriga a Santa Casa de Misericórdia, na sede do município. A medida foi necessária visando garantir o melhor atendimento e oferecer melhores condições de higiene para os pacientes e funcionários.

A partir desta sexta-feira, 24, o Centro Municipal de Emergência permanece fechado para obras de reparos, uma vez que a unidade não recebeu a devida manutenção nos últimos 4 anos. A mudança dos serviços para a Santa Casa começou com a remoção da Unidade de Pacientes Graves.








Fonte: Comunicação PMSJB

quinta-feira, 23 de março de 2017

Feira do Produtor de São João da Barra opção de produtos orgânicos para consumidores

(Foto: Divulgação)
Com duas edições semanais no município – aos sábados na sede e aos domingos no Galpão do Produtor, às margens da BR-356 –, a Feira do Produtor de São João da Barra é uma opção para o consumidor levar para a mesa produtos que vêm direto da roça, sem agrotóxicos. O Programa é desenvolvido pela Secretaria Municipal Agricultura e conta com aproximadamente 50 agricultores familiares.

A Feira foi reativada na segunda quinzena de janeiro e já contabiliza um saldo positivo. A Prefeitura retomou a atividade disponibilizando um micro-ônibus e um caminhão para transportar os feirantes e suas mercadorias, além de reforma das bancas e do Galpão do Produtor. “Com esse transporte viabilizado pela Secretaria de Agricultura, temos mais conforto e segurança para trabalhar”, salientou o coordenador da Feira, Jair Barboza.

Com a comercialização de frutas, verduras, legumes, peixe, produtos artesanais, entre outros, o Programa garante aos agricultores uma fonte de renda que permite a manutenção da produção e o sustento de suas famílias. “As feiras são o ponto de escoamento da nossa produção”, contou Elzi de Souza, do Açu, ressaltando a presença de mulheres entre os feirantes para o complemento da renda familiar.

A moradora de São João da Barra Giovana Meireles frequenta a Feira todos os domingos no Galpão do Produtor. “Venho toda a semana, pois sei que aqui encontro alimentos orgânicos e de qualidade. Já conheço os agricultores e a procedência dos produtos”, destacou.

A feira acontece em São João da Barra aos sábados, em frente à Prefeitura, e no domingo no Galpão do Produtor, na BR-356, entre Atafona e São João da Barra, das 6h às 13h. Em Campos dos Goytacazes as feiras são realizadas às terças e sextas-feiras, na Avenida 28 de Março, no Bairro Turf Club, e nos fundos da Rodoviária Roberto Silveira, das 5 às 13h.






Fonte: Comunicação PMSJB

Mais de meia tonelada de lixo retirada do Rio Paraíba em Campos

(Foto: Divulgação)
Cerca de 600 quilos de lixo foram retirados no Rio Paraíba do Sul na manhã desta quarta-feira (22), durante a ação “Rio Limpo, Rio Vivo”. A ação foi realizada pela secretaria de Desenvolvimento Ambiental, em comemoração ao Dia Mundial da Água, em parceria com o Projeto Rema Campos e com apoio da Defesa Civil, da Guarda Civil Municipal, do Corpo de Bombeiros e da empresa Vital.

Quarenta alunos do Ciep Nilo Peçanha também participaram da ação de retirada dos materiais inservíveis e de uma palestra sobre a importância da água, ministrada pela diretora de Gestão de Resíduos, Deborah Gama.

— Todo o lixo recolhido será separado. O lixo orgânico será levado para o aterro e o material reciclável será levado para as cooperativas. Esta é uma ação educativa de extrema importância para a população — explicou Deborah.

A estudante Maíra Duarte fez questão de divulgar a ação para os amigos e de ajudar na coleta dos materiais inservíveis.

— É muito importante ações como esta, de preservação do meio ambiente, principalmente com estudantes. Impressionante como as pessoas ainda não se conscientizaram sobre não jogar lixo às margens do Paraíba — disse Maíra.

O secretário de Desenvolvimento Ambiental, Leonardo Barreto, percorreu o Rio Paraíba de barco com a equipe do Corpo de Bombeiros.

— Em poucos minutos percorrendo a margem do Paraíba foram retirados três sacos de lixo de 100 litros. É uma quantidade assustadora, principalmente de garrafas pet. Ações como esta são para despertar a consciência ambiental na população. É importante que as pessoas se conscientizem e não joguem lixo no rio — enfatiza Leonardo.








Fonte: Comunicação PMCG

Assalto a comércio com reféns e roubo de Hillux em São João da Barra


(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Três bandidos armados assaltaram um comércio, fizeram reféns e fugiram levando uma caminhonete Hillux na manhã desta quarta-feira (22) por volta das 07h, entre as localidades de Cazumbá e Campo de Areia, em São João da Barra.

A polícia informou que o trio chegou ao local em um carro modelo Ônix, de cor branca e pediram um lanche. Logo depois, os suspeitos anunciaram o assalto e amarraram a proprietária do local em um quarto e mais três funcionários que chegavam para trabalhar.

Os bandidos roubaram um aparelho de som, joias, três celulares, duas TVs e uma caminho modelo Hillux, de cor branca, da proprietária do comércio. A polícia realizou buscas, mas até o momento, ninguém foi preso. O assalto foi registrado na 145ª DP da cidade.




Fonte: Campos24horas

Campos tem 110.456 mil imunizados contra a febre amarela e vacinação terá apoio do Exército

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Atendendo ao convite da Câmara de Vereadores de Campos, a diretora da Vigilância em Saúde, Andréya Moreira, esteve no Plenário do Legislativo nesta quarta-feira (22) para apresentar um balanço de todas as ações que vêm sendo desenvolvidas pelo município na estratégia de vacinação contra a febre amarela. A médica, que é mestre em Medicina Tropical pela Fiocruz, informou que já são 110.456 mil pessoas imunizadas no município e que não há vírus circulante na cidade. Sobre o caso suspeito de uma jovem, que ficou internada em um hospital público do município, ela esclareceu que o exame descartou a febre amarela. O diagnóstico foi de leptospirose.

A diretora da Vigilância em Saúde anunciou que, a partir desta quinta-feira (23), o Exército estará reforçando a segurança nos 15 polos de vacinação. “Fomos até o major Bottrel (Guilherme Bottrel), comandante da 2ª Companhia de Infantaria] e, a partir desta quinta, estaremos com esse reforço do Exército”, informa. A vacinação segue das 8h às 16h.

Ela explicou todo o processo que envolve a doença, transmitida através da picada de mosquito e que, desde 1942, não há registro de febre amarela urbana. A médica lembrou que as estratégias adotadas pela Secretaria de Saúde antecederam a propagação da doença nos primeiros locais onde houve registro, como os estados de Minas Gerais e Espírito Santo.

– Nossa estratégia começou pelas divisas nos distritos de Santo Eduardo e Santa Maria. Fizemos o cinturão da Mata Atlântica porque ficamos apreensivos. Antes de tudo ocorrer, estávamos desenvolvendo muitas ações. Houve uma cronologia e estivemos sempre à frente -, explicou, lembrando que a primeira reunião sobre o assunto com autoridades de saúde do Estado aconteceu no dia 26 de janeiro e, no dia 30, o bloqueio teve início em Campos.

A diretora da Vigilância em Saúde informa que, diariamente, estão sendo vacinadas cerca de 20 mil pessoas. Para os próximos dias, mais doses de vacina chegarão ao município, segundo Andréya. “Não há necessidade de pânico. Não fazemos parte de um alerta epidemiológico porque não temos vírus circulando na cidade e, quando saiu o resultado do macaco encontrado morto em Rio Preto, mais de 80% da população de lá já estava vacinada”, explica a diretora da Vigilância em Saúde, lembrando que o animal foi encontrado no dia 07 e a vacinação teve início na localidade no dia 04.

Idosos – A médica voltou a falar sobre a necessidade da vacina ser aplicada em idosos, apenas, com indicação médica. “A vacina contra a febre amarela é uma vacina de vírus vivo atenuado. Não é um vírus morto como o da gripe, por isso, as vacinas só podem ser aplicadas em idosos com o atestado médico que garante que eles têm imunidade para isso”, explica.

Doação de sangue – A diretora da Vigilância em Saúde também reforçou a importância dos doadores de sangue irem ao Hemocentro Regional do Hospital Ferreira Machado, antes de tomar a vacina contra a febre amarela. “Precisamos aumentar o estoque de sangue e, quem toma a vacina, não pode doar sangue em menos de 28 a 30 dias, portanto, todas as pessoas que forem doar sangue, receberão um comprovante para que, na hora de tomar a vacina, não precisem enfrentar fila”.





 Fonte: Comunicação PMCG

quarta-feira, 22 de março de 2017

SJB: servidores da Educação receberão férias nesta sexta

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A prefeita Carla Machado (PP) anunciou nesta quarta-feira (22) que vai quitar nesta sexta-feira (24) os valores referentes às férias coletivas (1/3) deste ano aos servidores da Educação. Carla salientou que o pagamento ocorre após a atual administração já ter quitado a metade do 13º salário e os salários em atraso de dezembro dos servidores efetivos.







Fonte: Ascom PMSJB | Blog do Arnaldo Neto

Rosinha candidata a governadora em 2018?

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Ex-prefeita de Campos e ex-governadora do Rio, Rosinha Garotinho (PR) é apontada, principalmente por correligionários, como pretensa candidata à sucessão de Pezão (PMDB) no Palácio Guanabara. Como divulgado pelo jornalista Saulo Pessanha (aqui), o Informe do Dia publicado no dia 2 de março revelou que Rosinha não seria candidata a nenhum cargo eletivo ano que vem. Segundo a coluna, ela quer se dedicar a projetos pessoais, como artes plásticas. Como não é a primeira vez que ela diz que não será candidata e no fim tem o nome lançado, a informação não convenceu sequer seus aliados.

O ex-vereador Thiago Virgílio (PTC), eleito no ano passado, mas não diplomado por restrições em ação penal e, posteriormente, condenado em Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), ambas relacionadas à denúncia de uso de Cheque Cidadão em troca de votos, fez uma postagem no seu perfil do Facebook, na manhã desta quarta-feira (22), no qual praticamente “lança” a pré-candidatura de Rosinha nas redes sociais. Fiel aliado do casal Garotinho, Virgílio contesta a não inauguração da Vila Olímpica do Parque Alphaville e aproveita agradecer a sua "Eterna Prefeita e futura governadora Rosinha Garotinho”.

É certo que a alta rejeição a Garotinho, que chegou a bater 44% no período eleitoral de 2014, segundo pesquisa Ibope, praticamente inviabiliza pretensões do ex-governador de voltar ao comando, oficialmente, do Guanabara. Rosinha não teria tal problema. A questão pode esbarrar, porém, na Chequinho. Rosinha é ré na ação principal “escandaloso esquema” e a audiência para inquirição de testemunhas acontece nesta quinta-feira (23). Todas as sentenças proferidas no caso, até o momento, resultou na ilegibilidade dos réus por oito anos.


A conferir!





Fonte: Blog do Arnaldo Neto

No Dia da Síndrome de Down, prefeito Rafael Diniz participa de encontro na Fundação de Esportes

(Foto: Divulgação)
O prefeito Rafael Diniz e o presidente da Fundação da Municipal de Esportes (FME), Raphael Thuin, deram boas-vindas aos alunos inscritos no Projeto do Paraesporte. O encontro teve como objetivo comemorar o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta terça-feira (21). “Nada melhor do que estar com eles neste dia tão importante e receber abraços sinceros”, disse o prefeito de Campos.

A equipe do Projeto Paraesporte da FME preparou um lanche para receber alguns pais e alunos inscritos nos aulas do projeto pioneiro que já matriculou mais de 250 pessoas. A Fundação oferece 450 vagas entre várias atividades esportivas. Raphael Thuin, que também é embaixador da Olimpíadas Especiais Brasil, comentou sobre o compromisso de sua equipe na realização desse trabalho com as famílias campistas.

— Há 15 anos trabalho diretamente com pessoas portadoras de necessidades especiais e sei da importância da inclusão delas na sociedade. O resultado é surpreendente e reflete no desenvolvimento psicomotor dos alunos e afetivo, assim como dos pais, que melhoram a autoestima, já que passam a conviver com situações adversas e percebem que não estão sozinhos nesta caminhada — explica Raphael Thuin.

Aula Inaugural – As comemorações para marcar o início das aulas do Projeto Paraesporte, que estavam previstas para o último dia 20, foi transferida para o dia 3 de abril. Na ocasião, o evento vai homenagear o Dia do Autista, que é celebrado no dia 2. A mudança da data ocorreu devido a campanha de vacinação contra a febre amarela e as chuvas que caíram no município no último fim de semana.





Fonte: Comunicação PMCG

Saúde de Campos vacina mais de 43 mil pessoas contra a febre amarela

(Foto: Divulgação)
Em três dias de vacinação em massa contra a febre amarela em Campos, o município imunizou 43.207 pessoas. O trabalho segue em diversos polos e o objetivo é que toda população seja vacinada. A Vigilância em Saúde orienta que não há motivo para pânico, pois não faltará doses.

Segundo dados do órgão, no sábado (18), primeiro dia da ação, foram 10.120 pessoas vacinadas. No domingo (19), mais 13.778 estiveram nos polos e, na segunda-feira (20), o balanço foi fechado em 19.309 imunizados.

A vacinação acontece nos seguintes postos: Secretaria de Saúde, CRTCA I e II, Fundação Municipal de Esportes (antiga AABB), Ginásio do CCH na Uenf, UBS de Ururai, UBS do Joquei, UBS da Penha, Hospital São José, Fundação Rural de Campos, Centro de Saúde de Guarus, UBS Alair Ferreira, UBS de Farol de São Tomé, Vila Olímpica do Parque Guarus e Vila Olímpica de Travessão.

De acordo com a estratégia montada para esse período, durante a semana todos os postos citados estarão vacinando. Já nos finais semana, serão seis: Fundação Rural de Campos, Fundação Municipal de Esportes, UBS da Penha, Vila Olímpica de Travessão, Vila Olímpica do Parque Guarus e Ginásio do CCH na Uenf.

As pessoas devem comparecer aos locais munidos de carteira de identidade, comprovante de residência e cartão de vacinação, principalmente os menores de idade. A vacina é destinada a pessoas entre 9 meses e 60 anos, obedecendo às indicações e contraindicações do Ministério da Saúde, que são: não possuir doenças como câncer, HIV positivo; não ser alérgico a proteína do ovo e a gelatina; não fazer uso de medicamentos como corticoide; não ser gestante e não estar amamentando.

Bloqueio – Além da vacinação na área urbana do município, a Vigilância em Saúde permanece com o bloqueio vacinal nos distritos com áreas de mata e proximidades. O trabalho segue nesta terça-feira (21) em Ibitioca; e em Morro do Coco, nos dias 22, 23 e 24 de março.






Fonte: Comunicação PMCG

Grávida é assassinada durante tentativa de assalto em Campos

(Foto: Divulgação)
Geciane Siva de Medeiros, 39 anos, foi assassinada a tiros na noite desta terça-feira (21) durante uma tentativa de assalto, na Rua João Manoel de Faria, no Jóquei, em Campos.


De acordo com a polícia, a vítima estava com o marido dentro de um veículo Corcel, de cor bege, passando seguindo em direção ao Jóquei, quando um homem armado abordou o casal, ordenando que parasse o carro. Imediatamente o marido da vítima, identificado como F.M.P, de 39 anos, parou e desceu do carro e o criminosos efetuou os disparos. O marido da vítima não foi atingido, mas precisou ser socorrido devido ao estado de choque.

A princípio informações davam conta de que Geciane estava grávida, mas a polícia não confirmou. Ela foi atingida na cabeça e morreu no local. A polícia também não informou se o criminoso levou algum pertence.

Buscas foram feitas, mas até a publicação desta matéria, nenhum suspeito havia sido preso.

O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) e o caso registrado na 134ª DP/Centro para investigação.







Fonte: Campos24horas

terça-feira, 21 de março de 2017

São João da Barra: 5 mil novas doses da vacina contra a febre amarela


A Secretaria Municipal de Saúde de São João da Barra conseguiu junto ao Governo do Estado a liberação de mais uma remessa da vacina contra a febre amarela. São 5 mil doses que estarão disponíveis a partir desta quarta-feira, 23.

Além dos atuais postos de vacinação nas Unidades de Saúde de Atafona, Cajueiro, Quixaba, Felix de Sá (sede), e nos PSF's de Açu, Barcelos, Campo de Areia, Grussaí e Mato Escuro, a imunização acontecerá também no PSF do Bairro Nova São João da Barra.

Até o momento, 10 mil doses foram aplicadas no município, em um trabalho iniciado pela Secretaria de Saúde no sábado e que prosseguirá de acordo com o envio das doses para atender a demanda.








Fonte: Ascom PMSJB

Ex-prefeito Neco de SJB, é condenado na Operação Machadada

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Operação Machadada, deflagrada pela Polícia Federal (PF) em 2012, condenou Carla Machado, Alexandre Rosa, Alex Firme e o ex-prefeito José Amaro Martins de Souza - Neco (PMDB), em uma sentença expedida em primeira instância, nesta segunda-feira (20).

A Prefeita, o vice-prefeito e o vereador irão permanecer em seus respectivos cargos, já que os registros foram deferidos antes da sentença.

Por outro lado, o ex-prefeito Neco está inelegível por oito anos, a contar de 2012.

Os quatro podem recorrer da sentença.







Fonte: Portal OZK

Cadastramento biométrico para eleitores de SJB



O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) dará início, no dia 17 de abril, ao cadastramento biométrico obrigatório dos eleitores do município de São João da Barra. O atendimento será realizado na Rua São Benedito, 173 (próximo ao Fórum), de segunda a sábado, das 10h às 18h. Quem quiser evitar filas poderá agendar, a partir do dia 1º de abril, pela internet, em www.tre-rj.jus.br/biometria, ou pelo telefone (21) 3436-9000.

Para fazer o cadastramento, o eleitor deverá levar original e cópia de um documento de identidade oficial com foto e de um comprovante de residência, como conta de luz, água ou correspondência bancária, desde que emitido até três meses antes da data do atendimento.

Vale lembrar que o comprovante deve estar no nome do próprio requerente, do cônjuge ou de parente até o 2º grau, juntando-se cópia de documento que demonstre o vínculo familiar. Além disso, quem tiver título de eleitor também deverá levá-lo.

No caso de nova inscrição, os eleitores do sexo masculino maiores de 18 anos deverão apresentar, ainda, o comprovante de quitação militar. Já quem quiser atualizar o nome deve levar um documento que comprove a alteração dos dados, como a certidão de casamento, por exemplo.

O cadastramento, que vai até 15 de julho deste ano, é obrigatório para os 37.569 eleitores do município, inclusive aqueles cujo voto é facultativo, como os menores de 18 anos, os maiores de 70 anos e os analfabetos.

Só estão dispensados aqueles que já tiveram seus dados biométricos coletados pela zona eleitoral do município (4.792 eleitores) e os eleitores que tiverem registrado em seu histórico no cadastro eleitoral o código indicativo de deficiência que impossibilite ou torne extremamente oneroso o cumprimento das obrigações eleitorais. Quem desejar transferir seu título de eleitor para São João da Barra também deverá comparecer ao posto de atendimento.

Eleitores faltosos

Os eleitores que deixaram de votar ou faltaram aos trabalhos eleitorais deverão pagar as respectivas multas antes de realizar o cadastramento biométrico. Para tanto, poderão obter a guia de pagamento da multa no próprio posto de atendimento, em qualquer zona eleitoral ou, ainda, no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Os eleitores de São João da Barra que não fizerem o cadastramento biométrico até 15 de julho terão o título cancelado. Com isso, além de ficarem impossibilitados de votar nas próximas eleições, não poderão tirar passaporte, prestar concurso público ou obter empréstimos em bancos oficiais, entre outros impedimentos.

Tecnologia

O sistema com leitor biométrico identifica as impressões digitais e impede que alguém vote no lugar de outro eleitor, ou mesmo que utilize um documento falso de identidade para tirar o título, já que cada pessoa possui impressões digitais únicas. Quando comparecer ao posto de atendimento, o eleitor fará a coleta da impressão digital, irá tirar fotografia digital e também atualizará os dados cadastrais. No dia da eleição, ele será identificado em sua seção eleitoral por meio da impressão digital, e o sistema biométrico irá liberar a urna eletrônica para votação. No estado do Rio, os municípios de Búzios e Niterói já passaram pelo cadastramento biométrico obrigatório dos eleitores.






Fonte: ascom PMSJB

Se estivesse vivo, Ayrton Senna completaria 57 anos hoje


Os anos passam mas ainda se liga a televisão aos domingos pela manhã esperando o locutor anunciar mais uma vitória de Ayrton.

Se estivesse por aqui, Ayrton Senna estaria completando 57 anos, com toda a simplicidade e simpatia que o transformaram em um herói brasileiro. Um herói que ainda é.

Sua irmã Viviane Senna comanda o Instituto Ayrton Senna que ajuda milhares de crianças e jovens em todo o país. Uma visão não assistencialista, mas sim de dar oportunidade, educação e capacitação na certeza de um futuro melhor.

E Ayrton só poderia mesmo ter nascido neste dia que é também o Dia Mundial da Infância e da Eliminação da Discriminação Racial. Neste ano, a data é marcada pela preocupação com as crianças refugiadas na Europa.






Fonte: Agência Brasil

Produção de caju é destaque em São João da Barra

(Foto: Divulgação)
São João da Barra colhe os frutos de um plantio que começou em 2010, durante o segundo governo da prefeita Carla Machado, com a criação do Programa de Revitalização do Cultivo do Caju. A iniciativa da Secretaria de Agricultura foi desenvolvida em virtude da propagação, a partir de 2005, de uma praga conhecida como mosca branca, que dizimou mais de 90% dos cajueiros nativos no município.

Foram distribuídas, na época, 45 mil mudas da espécie caju anão, trazidas do Ceará para atender 300 produtores em uma área de 150 hectares. Em razão do investimento feito na ocasião, hoje o município volta a colher uma produção significativa, garantindo aos agricultores a rentabilidade necessária para manter o plantio e continuar investindo na produção do fruto.

De acordo com o secretário de Agricultura, Osvaldo Barreto, esse resultado só está sendo possível graças ao investimento do governo municipal há sete anos. “A prefeitura, por meio da Secretaria de Agricultura, fez um trabalho importante junto aos produtores e hoje eles já estão colhendo os frutos desse programa. Se não fosse o investimento realizado lá atrás, não teríamos mais produção de caju em São João da Barra, porque a praga tinha acabado com tudo”, contou.

De acordo com Osvaldo Barreto, que também era secretário da pasta na ocasião, cerca de 300 famílias viviam da comercialização do caju nativo que foi dizimado quase em sua totalidade pela mosca branca e, com a revitalização da cultura da fruta, essas famílias passaram a cultivar de forma mais profissional o fruto e a atividade voltou a gerar renda no município.

Para o produtor Alessandro de Oliveira, a venda do caju é um complemento importante na renda familiar “A produção que nós estamos colhendo hoje é resultado do projeto de revitalização que houve no passado. Por causa desse trabalho que estamos aqui, trabalhando e sustentando nossas famílias”, contou.

De acordo com o agrônomo da Secretaria Municipal de Agricultura de São João da Barra, Gustavo Ribeiro de Castro, a produção do fruto cultivado na Sede, Cajueiro, Degredo e 5º Distrito chega a 50 toneladas por ano. “Todo o caju comercializado no município é resultado desse programa, que conta com novas variedades do fruto, como o caju anão, geneticamente melhorado, o que garante a colheita e o tempo de safra por um período maior que o do caju tradicional e uma produção por pé até dez vezes maior”, explicou.






Fonte: Ascom PMSJB

segunda-feira, 20 de março de 2017

Sábado com diversão nas escolas municipais de São João da Barra

(Foto: Divulgação)
O primeiro sábado letivo das escolas municipais de São João da Barra foi repleto de alegria, com muita diversão e interação entre as famílias. Os estudantes, em sua maioria, preferiram curtir um dia diferente no ambiente escolar, aproveitando as brincadeiras e as guloseimas preparadas com carinho pelos gestores, professores e equipe de apoio. O sábado letivo visa complementar a carga horária mínima prevista em lei e consta no calendário escolar 2017 do segmento regular e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), compreendendo este ano 17 sábados.

A escola Chrisanto Henrique de Souza, no Açu, 5° distrito, realizou a III Acolhida Fraterna, direcionada aos familiares e alunos. "É uma manhã diferenciada, sobretudo para os pais de alunos novos, que aproveitaram para conhecer e interagir com a equipe escolar. Essa parceria entre a escola e a família é a base para o sucesso do aluno durante o ano letivo", afirmou o diretor Alcy Viana. Uma banda formada por alunos da instituição encantou os presentes com sua apresentação musical.

Ainda no 5° distrito, precisamente na Escola José Alves Barreto, em Mato Escuro, os alunos participaram de um piquenique no campo, e ainda confeccionaram pipas e muitas rabiolas. “Foi uma manhã muito bacana, com a presença dos pais. Aproveitamos os sábados letivos para atividades de recreação com os alunos, promovendo assim, maior interação entre eles”, pontuou a diretora Cláudia Oliveira. Na agenda da escola já consta um campeonato de vôlei que será disputado com a Escola Estadual Municipalizada Luiz Gomes da Silva Neto, de Enjeitado.

De acordo com a portaria 001/2017, em seu artigo 3º, os sábados letivos podem ser destinados a aula, assim como a culminância de projetos, gincanas, feiras, palestras, exposições, dentre outras atividades cívico-culturais. O próximo sábado letivo será no dia 1 de abril, com atividades em todas as escolas municipais.

O lúdico é de grande importância na educação, já que contribui com a construção do conhecimento, favorecendo a demonstração de sentimentos. “As brincadeiras tendem a melhorar o convívio entre as crianças, fazendo com que haja trocas, colaboração, respeito e trabalho em equipe, desencadeando a atenção, fundamental no processo de aquisição do saber”, disse a Secretária de Educação e Cultura, Lúcia Siqueira.





Fonte: Ascom PMSJB

Filho de Arlindo Cruz sobre estado de saúde do pai: 'Médicos estão otimistas'

(Balneário de Atafona | Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Arlindo Neto, filho de Arlindo Cruz, falou ao EGO, nesta segunda-feira, 20, sobre o estado de saúde do músico, que segue internado na Casa de Saúde São José, no Humaitá, Zona Sul do Rio de Janeiro. Segundo Neto, "os médicos estão otimistas". "Estão diminuindo o sedativo. Ele deve acordar hoje. Vida nova para ele, deve abrir o olho hoje ainda. Agora tem dois aniversários, porque reviveu", disse.

Por volta de 13h55, Neto publicou um vídeo (veja abaixo) em seu perfil no Instagram, no qual afirmou: "O cérebro de nosso mestre está intacto, graças a Deus. A tomografia foi ótima. Nenhuma lesão. Hoje já vai começar a diminuir a sedação. Se Deus quiser, hoje abre o olho e começa a responder a alguns estímulos. Vamos rezar para que ele acorde mais calminho para a pressão não subir e ter que sedar novamante (...) Eu estou muito esperançoso, tenho certeza que vai dar tudo certo."

Arlindo Cruz foi levado às pressas na sexta, 17, para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, Zona Oeste carioca, após ter sido encontrado inconsciente pela mulher na residência do casal. Neto contou que o pai teve um AVC enquanto tomava banho.

O último boletim médico, divulgado neste domingo, 19, informava que o estado de Arlindo Cruz era grave, porém estável. O filho do cantor usou o Facebook para agradecer o carinho dos fãs e para tranquilizá-los. Já Zeca Pagodinho pediu uma corrente de orações para Arlindo Cruz.






Fonte: Ego

Exame revela que Crivella tem tumor

(Foto:  Pablo Jacob/Agência O Globo)
Marcelo Crivella recebeu na semana passada resultado de uma biópsia constatando que o prefeito do Rio de Janeiro tem um tumor na próstata, de dois milímetros.

Crivella garante, porém, que o seu caso não é ainda de cirurgia:

— Por enquanto, vou me tratar com medicamentos. 

Mas se for necessário submeter-se a uma intervenção cirúrgica, diz Crivella, "será coisa rápida", de acordo com o que diz ter ouvido dos seus médicos:

— Uma cirurgia de 90 minutos. E dias depois eu já poderia estar de volta ao trabalho.






Fonte: O Globo

Colisão envolvendo carro e ônibus da CamposTur em Atafona

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Uma colisão envolvendo um carro de passeio e um ônibus da empresa Sanjoanense CamposTur foi registrado por volta das 17h30 deste domingo, 19, na rua Felicíssimo Alves, em Atafona, distrito de São João da Barra. Ninguém ficou ferido.

No momento do acidente chovia bastante.

O caso foi registrado na 145ª Delegacia de Polícia de São João da Barra.







Fonte: Parahybano

Agonia de Atafona exposta em Brasília

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A artista plástica campista Anna Braga está com a exposição “Memória Submersa” no Museu Nacional da República, em Brasília, Distrito Federal. O trabalho lança um olhar poético e melancólico sobre a destruição provocada pelas sucessivas ressacas do mar em Atafona, balneário de São João da Barra. A abertura da exposição aconteceu na terça-feira (14) e o público pode visitar as obras de Braga até o próximo dia 9 de abril, entre terças-feiras e domingos, das 9h às 18h30. A entrada é franca.

— “Memória Submersa” é um título que remete ao fato de que você vive aquilo que não está vendo, que existe entre o visível e o invisível. Quando eu pisei em Atafona novamente, e minha visão me mostrava que tudo o que eu tinha vivido não estava mais ali, eu falei: “Não está visualmente, mas, de uma maneira ou de outra, está dentro de mim e de todos que conviveram e andaram por esses lugares”. A obra toda está calcada em uma situação imersa. Atafona foi muito importante na minha infância, e é uma memória viva — disse Anna.

A artista plástica conta que a ideia da exposição surgiu após observar a notícia na televisão sobre o que estava acontecendo no segundo distrito de São João da Barra.

— Quando cheguei a Brasília e vi no jornal como estava a situação de Atafona, não acreditei que aquilo estava acontecendo numa cidade que adotei como referência da minha infância e adolescência. Dali em diante eu decidi que iria fazer uma pesquisa de campo. Depois, observei que todos relatavam hipóteses muito tristes e um futuro muito preocupante, e aquilo foi me envolvendo. Pensei: “Vou colocar em uma situação visual aquilo que ninguém está vendo, porque, de repente, a gente sensibiliza o olho do outro com o que foi feito”, falou, emendando:

— Então eu resolvi criar, em cima dessa situação, que é dramática, outras situações. Não é desviar o foco, mas dar outra ideia daquilo. Isso chama a atenção das autoridades, de quem gosta de artes plásticas, de quem passa todos os dias e não absorve essa questão intermediária. E não é nenhuma denúncia, mas achei importante criar um campo de visão diferenciado, com metáforas em cima das ressacas, destruições e todos os rastros deixados em Atafona. Se você tem memórias do que viveu, isso não vai embora nunca, porque sua memória está ali – contou.

No material presente na exposição, Anna trabalhou com várias linguagens artísticas.

– É uma exposição multimídia. Há vários trabalhos, como vídeo, animação, objetos escultóricos e fotografias com pintura e desenho. Nesse trabalho eu abordo várias coisas, como a casinha do jornalista Hervé Salgado Rodrigues que foi dada a uma das suas filhas, Cristina, e eu criei uma permanência para essa casinha. Também trabalhei com uma rede de pesca de marcação de mar e várias outras questões, sempre trabalhando o amparado, porque qualquer memória ali tem o amparo de quem viveu”.

A artista plástica disse, ainda, que pretende trazer “Memória Submersa” para a região.

— Acho que as pessoas vão identificar as mesmas coisas que eu identifiquei, pois os olhares de quem viveu e ainda vive essa situação são muito próximos. É profundo saber que você está transitando sobre um lugar que não vê mais, mas que você viveu. Na abertura (terça), tive o prazer da visita da prefeita de São João da Barra, Carla Machado, que estava com políticos e, também, com pessoas de SJB. Uma dessas pessoas disse: “Meu Deus! Como eu nunca pensei nisso?”. E ganhei a noite, pois quero justamente isso: provocar um desvio de olhar, uma interpretação que está acima do que a realidade nos mostra. É um convite a dar um passeio metafórico por todas as situações que afligem Atafona e toda aquela região — concluiu.





Fonte: Folha da Manhã

São João da Barra já vacinou mais de 8 mil pessoas contra febre amarela

(Foto:  Divulgação)
Em razão da grande procura, a Secretaria de Saúde de São João da Barra ampliou o número de doses da vacina contra a febre amarela disponibilizadas em cada um dos quatro pontos de vacinação neste domingo, 19. Foram imunizadas 5.500 pessoas na sede do município, Açu, Barcelos e Grussaí.

A vacinação em São João da Barra teve início no sábado, 18, quando foram aplicadas 2.659 doses. Somadas às deste domingo, o município totalizou 8.159 pessoas vacinadas contra a febre amarela nos dois dias.

Nesta segunda-feira, 20, o trabalho prossegue nas Unidades de Saúde de Atafona, Cajueiro, Quixaba, e nos PSF's de Açu, Barcelos, Campo de Areia, Grussaí, Mato Escuro e na Unidade de Saúde Felix de Sá, na sede do município. Além das 10 mil iniciais, mais doses já foram solicitadas à Secretaria de Estado de Saúde.







Fonte: Ascom PMSJB

Prefeitura de Campos divulga novos locais de vacinação contra febre amarela nesta segunda

(Foto: Divulgação)
A partir desta segunda-feira(20), a Prefeitura de Campos oferece os seguintes postos de vacinação contra a febre amarela: Secretaria de Saúde, CRTCA I e II, Fundação Municipal de Esportes (antiga AABB), Ginásio do CCH na Uenf, UBS de Ururai, UBS do Joquei, UBS da Penha, Hospital São José, Fundação Rural de Campos, Centro de Saúde de Guarus, UBS Alair Ferreira, UBS de Farol de São Tomé, Vila Olímpica do Parque Guarus e Vila Olímpica de Travessão.

A vacinação em massa no município começou no último sábado e prosseguiu neste domingo. Apesar da chuva, o trabalho ocorreu tranquilamente em todos os locais. A Vigilância em Saúde de Campos aumentou o número de profissionais em todos os postos para dinamizar o atendimento à população.







Fonte: Comunicação PMCG

SJB: ações pelo Dia de Combate à Tuberculose

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Comemorado em 24 de março, o Dia Mundial de Combate à Tuberculose será lembrado nesta segunda-feira, 20, em São João da Barra, pela Secretaria Municipal de Saúde, com ações de conscientização e prevenção. O evento, na entrada lateral da Policlínica, a partir das 9h, tem como finalidade combater a doença e alertar a população sobre os seus perigos. Palestra educativa e distribuição de folders informativos completam a programação.

A coordenadora do Programa Municipal de Combate à Tuberculose, Bianca Ernesto, explicou que a tuberculose é uma doença infectocontagiosa que afeta principalmente os pulmões, mas também pode acometer órgãos como rins e meninges, e ossos. “Pessoas com AIDS, diabetes, insuficiência renal crônica, desnutridas, idosos doentes, alcoólatras, dependentes de drogas e fumantes são mais propensos a contrair a tuberculose”, destacou.

Os sinais e sintomas mais frequentes são: tosse seca ou com secreção por mais de três semanas, podendo evoluir para tosse com pus ou sangue, cansaço excessivo e prostração, febre baixa geralmente no período da tarde, suor noturno, falta de apetite, emagrecimento acentuado e rouquidão. “O médico do Programa de Combate à Tuberculose, Carlos Antônio Rios, presta atendimento na Policlínica, todas as quartas-feiras, das 11 às 14 horas”, informou Bianca.

Alguns pacientes, entretanto, não exibem nenhum indício da doença, enquanto outros apresentam sintomas aparentemente simples, que não são percebidos durante alguns meses. Pode ser confundida com uma gripe, por exemplo, e evoluir durante 3 a 4 meses sem que a pessoa infectada saiba, ao mesmo tempo em que transmite a doença para outras pessoas. A transmissão da tuberculose é direta, de pessoa a pessoa. O doente expele, ao falar, espirrar ou tossir, pequenas gotículas de saliva que podem ser aspiradas por outro indivíduo. 

– A melhor forma de prevenir a transmissão da doença é fazer o diagnóstico precoce e iniciar o tratamento adequado o mais rápido possível. Com 15 dias após iniciado o tratamento, a pessoa já não transmite mais a doença – explicou Bianca, acrescentando que a vacina BCG, obrigatória para menores de um ano, protege as crianças contra as formas mais graves da doença.






Fonte: Ascom PMSJB


Frota inoperante é recuperada gradativamente em São João da Barra


A Secretaria de Transportes e Trânsito de São João da Barra intensificou os serviços de manutenção corretiva e preventiva na frota do município, que estava 85% inoperante devido à falta de conservação da gestão passada. Até o momento, cerca de 30% do total inoperante foi recuperado. A intenção é proporcionar maior segurança e qualidade no transporte de funcionários e da população.

O secretário municipal de Transportes e Trânsito, Julio Peixoto, atendendo determinação da prefeita Carla Machado, desde o início do ano priorizou o conserto de ambulâncias e carros utilizados no transporte de pacientes para atendimento médico especializado em outros municípios. “Estamos realizando também recuperação dos ônibus escolares que atendem à Secretaria de Educação e veículos e máquinas das demais secretarias”, informou.

Paralelo ao serviço de recuperação dos veículos foi implementado, de acordo com o subsecretário de Transportes e Trânsito, Leandro Ferreira, o controle da frota por meio de um boletim diário do veículo e vem sendo desenvolvido o trabalho de conscientização entre os motoristas para aumentar o cuidado com os carros já recuperados. “O boletim é importante para relatar o controle do uso e manutenção do veículo, e suas possíveis avarias, sendo nesses casos encaminhados para oficina”.

No início do ano, um levantamento técnico, elaborado pela equipe de funcionários efetivos da Prefeitura, constatou que 85% da frota se encontrava inoperante. “Tendo em vista a crise financeira herdada da gestão anterior, estamos administrando com critério analisando as prioridades e necessidades, visando a normalização dos atendimentos a todas as secretarias municipais”, concluiu o secretário.





Fonte: Ascom PMSJB

sexta-feira, 17 de março de 2017

Carla anuncia reforço de 10 mil doses de vacina contra febre amarela em SJB

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PP), anunciou em seu perfil no Facebook que foram disponibilizadas 10 mil doses de vacina contra febre amarela para o município. Inicialmente, SJB não estava incluída no programa de vacinação. Carla esteve em contato com o subsecretário de Vigilância em Saúde do Estado do Rio e conseguiu a liberação das doses nesta sexta-feira (17).

— Um carro já está a caminho para buscar as 10.000 vacinas, que foram prontamente disponibilizadas para a nossa cidade. À medida que formos vendo a necessidade, entraremos em contato para novas solicitações. Ainda hoje (sexta-feira, 17), daqui a pouquinho, a secretaria de Saúde, estará em reunião para esquematizar a vacinação e, brevemente, divulgar dias, horários e locais — informou a prefeita.





Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Demolição da caixa d'água concluída em Atafona

(Foto: Ralph Braz| Pense Diferente)
Terminou nesta sexta-feira (17) a demolição da caixa d’água de Atafona, um ponto de referência no litoral sanjoanense. A demolição ocorreu devido ao risco de o avanço do mar tombar a estrutura e ocasionar problemas maiores. O trabalho teve início no ano passado e foi realizado com marteletes para que não causasse danos aos imóveis vizinhos.

A caixa d’água ficava na esquina da rua João Batista de Almeida com a Avenida Atlântica. As sucessivas investidas do mar já destruiu a parte da avenida em Atafona, existente, agora, semente entre a região de onde ficava a caixa d’água até Grussaí. Antes, a ligação era até a entrada para o antigo Pontal, também já encoberto pelas águas do mar.

Tamanha era a referência da caixa d’água, construída na década de 1960 e ampliada nos anos 1980, para o litoral sanjoanense que poucos sabem localizar a rua João Batista de Almeida em Atafona. A rua é reconhecida mesmo como "da caixa d’água".

Presidente da Câmara de São João da Barra, Aluizio Siqueira (PP) acompanhou todo processo de demolição e registrou em fotos no seu perfil do Facebook. Nesta sexta, ele fez um vídeo sobre a conclusão do serviço.






Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Combate à febre amarela no Estado


São João da Barra não integra os 25 municípios anunciados pela Secretaria de Estado de Saúde para a vacinação como medida imediata contra a febre amarela. Estão inseridas cidades das regiões Norte, Noroeste, Serrana, dos Lagos e no entorno da Reserva Poço das Antas. São João da Barra não foi contemplado com a vacina por ter em volta alguns desses municípios, considerados áreas de bloqueio, além de não ter registrado nenhum caso da doença.

De acordo com a subsecretária municipal e Saúde, Keth Miranda, que participou nesta quinta-feira, 16, de reunião na cidade do Rio de Janeiro com representantes dos setores de Vigilância Epidemiológica e de Imunização da Secretaria de Estado de Saúde, a situação em São João da Barra não é para pânico.

– Caso haja alguma mudança, São João da Barra poderá ser contemplado com a vacinação, que acontece em Campos dos Goytacazes, município próximo e que faz parte da área de bloqueio no Estado. No momento, estamos realizando a imunização apenas para pessoas que forem viajar para áreas endêmicas – esclareceu a subsecretária.

Aedes Aegypt – O levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypt (LIRAa) foi realizado em São João da Barra entre os dias 6 e 10 de março. O resultado foi de 0,2, considerado de baixo risco para infestação do transmissor de doenças como febre amarela, dengue, chikungunya e zika vírus.

– Medidas para controlar o mosquito vêm sendo adotadas, dentre elas as visitas diárias dos agentes de combate às endemias nos domicílios. É importante que os moradores abram suas residências para o trabalho dos agentes para o controle da forma jovem (larva) do mosquito e os serviços de perifocal com UBV portátil e o carro UBV pesado (fumacê) para controle espacial da forma adulta do mosquito – ressaltou Diretor do Núcleo de Controle de Zoonoses, Marcos Machado.

A importância da parceria entre o Núcleo de controle de Zoonoses e a população, que tem um papel fundamental, pois ela também pode realizar em sua própria residência a vistoria necessária para eliminar possíveis focos, também e destacada por Marcos Machado.








Fonte: Ascom PMSJB

SEMOP realiza operação em Grussaí

(Foto: Divulgação)
Em uma operação na tarde de quinta-feira, 16, agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEMOP) de São João da Barra e do Departamento de Postura – subordinado à pasta – notificaram um estabelecimento comercial na praia de Grussaí, no bairro Nossa Senhora Aparecida (do outro lado da Lagoa). Documentação irregular e falta de autorização para funcionar como casa noturna foram as irregularidades constatadas.

A ação foi motivada, segundo a SEMOP, por um abaixo assinado enviado pela comunidade, que denunciou, ainda, transtornos relacionados ao som do estabelecimento. “Chegando ao local foi constatado que não há alvará de funcionamento nem liberação do Corpo de Bombeiros para que o local funcione como casa noturna”, informou o agente Aécio Rufino, que participou da operação juntamente com os agentes Matheus Scotelaro, Simone Rangel, da SEMOP, e Sérgio Canela, da Postura.

Após a notificação, o comerciante deverá regularizar a situação referente à documentação e se adequar às normas relacionadas ao som para que o estabelecimento volte a funcionar. Do contrário, poderá ser lacrado e os equipamentos serem apreendidos, em um procedimento envolvendo a Secretaria de Ordem Pública e a Polícia Militar.

– Operações como essa serão rotineiras em todos os distritos para o ordenamento do espaço público, visando a tranquilidade, paz social e equilíbrio do crescimento do município – explica o secretário municipal de Ordem Pública, Maxwell Araújo.








Fonte: Ascom PMSJB

Vigilância em Saúde monitora caso de jovem com suspeita de febre amarela

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Vigilância em Saúde de Campos acompanha um caso suspeito de febre amarela no município. Durante entrevista coletiva nesta sexta-feira (17), na sede da prefeitura de Campos, a diretora de Vigilância em Saúde, Andréya Moreira, informou que trata-se de uma jovem, de 18 anos, moradora da localidade de Caxeta que chegou a ser internada no Hospital Geral de Guarus (HGG) com sintomas similares da doença, mas sem alterações no quadro. O estado de saúde dela é estável e a paciente recebeu alta na manhã desta sexta-feira (17).

Segundo drª Andréya Moreira, o material coletado foi encaminhado para análise laboratorial. Ainda segundo a diretora, o quadro clínico da paciente indica hepatite.

— Vamos aguardar o resultado dos exames, mas pela evolução do quadro de evolução dos sintomas o caso aparentemente é mais típico de uma hepatite — disse Andréya Moreira.

A responsável pela Vigilância explicou também que apenas a jovem apresentou os sintomas e nenhuma outra pessoa da família. “Estamos monitorando o caso, mas não há necessidade de acompanhar a família, pois a febre amarela é diferente de uma meningite, por exemplo”.

A localidade onde a jovem mora, Caxeta, pertence ao distrito de Ibitioca, onde a vacinação de bloqueio começou nesta sexta-feira (17) e segue nos dias 20 e 21 de março. O cronograma estava previsto desde o início deste mês.








Fonte: Comunicação PMCG