CIRCUITO JUNINO

terça-feira, 26 de julho de 2016

Navios “Brenda” e “Marigo” atracados no Porto do Açu, em SJB

(Foto: Parahybano)
Mais dois navios, sendo um do Panamá e outro da Grédica, estão atracados simultaneamente no Terminal 1 (T1 – offshore) do Porto do Açu, em São João da Barra. Um, o navio Brenda, que chegou por volta das 7h50 desta terça-feira, 26, e deverá seguir para o Oriente Médio no próximo sábado, 29, já o outro, o Marigo, por volta das 18h de ontem, 25.

O navio BRENDA (IMO: 9711925, MMSI: 373871000) é um navio Graneleiro construído em 2014 e atualmente navegando sob bandeira da Panamá. O Brenda tem 229 metros de comprimento e 32 metros de boca. A sua tonelagem bruta é 43291.

Na última terça-feira, 19, atracou o navio Santa Bárbara sob a bandeira das Ilhas Marshall e seguiu no domingo, 24, também para o Oriente Médio.O navio MARIGO P ( IMO: 9689706 , MMSI : 241391000 ) é um Graneleiro registado na Grécia. O MARIGO P tem um peso morto de 180000 toneladas e foi construído em desconhecida A tonelagem bruta é de 93.613 .

O primeiro navio a atracar no T1, no dia 22 de outubro de 2014, foi o KEY LIGHT(IMO: 9490129, MMSI: 357152000), que é um navio Graneleiro construído em 2012 e atualmente navegando sob bandeira da Panamá. O KEY LIGHT tem 229 metros de comprimento e 32 metros de boca. A sua tonelagem bruta é 43656 toneladas.O navio SANTA BARBARA (IMO: 9675951, MMSI: 538006124) é um navio Graneleiro construído em 2015 e atualmente navegando sob bandeira da Ilhas Marshall. O Santa Bárbara tem 295 metros de comprimento e 46 metros de boca. A sua tonelagem bruta é 94984.

Desde o início de outubro do ano passado, o Terminal 1 (T1 – offshore) vêm recebendo dois navios simultaneamente. Grandes navios já atracaram no porto para embarque de minério de ferro desde sua a inauguração, em outubro do ano passado, gerando expressivos tributos para a cidade que recebeu o grande complexo portuário. No último dia 06 de outubro de 2015, dois navios atracaram simultaneamente no Terminal 1, chamado de T1, do Complexo Portuário do Açu.








Fonte: Parahybano