sexta-feira, 30 de setembro de 2016

ANA prorroga vazão reduzida do Rio Paraíba do Sul

(Foto: Ralph Braz | Pense diferente)
A Agência Nacional de Águas (ANA) prorrogou a redução temporária do limite mínimo à barragem de Santa Cecília, em Barra do Piraí, no Sul Fluminense, até o dia 30 de novembro. Com a medida, a vazão continua em 110m³/s, enquanto o normal é de 190m³/s. A resolução impacta diretamente toda a bacia hidrográfica e pode piorar a situação do rio em Campos e na região se não voltar a chover. Além do cenário desolador evidente com as ilhas e bancos de areia formados com o baixo nível, a situação deixa em alerta mais de 403 mil pessoas no Norte e Noroeste que dependem do abastecimento de água a partir do rio.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (30) e tem como objetivo garantir o abastecimento da região Metropolitana do Rio. O nível mínimo de 110m³/s está sendo mantido desde março. Além de Santa Cecília, também foram aprovadas a manutenção da vazão mínima abaixo da média em outros quatro reservatórios da bacia hidrográfica no Paraíba do Sul entre São Paulo e o Rio de Janeiro.

De acordo com a Defesa Civil, o nível do rio Paraíba em Campos está em 4,47m, segundo medição realizada nesta sexta. No dia 23 de setembro, a cota chegou a ser de 4,35m. De acordo com o diretor executivo da Defesa Civil do município, Edson Pessanha, a situação pode piorar. “Se não houver chuvas entre São Paulo e Rio de Janeiro, a situação pode ficar pior ainda. Já estamos em um momento bem crítico hoje”, disse.

O biólogo e ambientalista Aristides Soffiati chamou a atenção para a contribuição da população para o processo de seca. “Nós sofremos as conseqüências aqui dessas medidas. Mas não podemos colocar a culpa apenas na seca e na natureza. As estiagens estão mais severas e temos responsabilidade nisso a partir do momento em que desmatamos e alteramos o clima do planeta”, finalizou.







Fonte: Folha da Manhã

Eleições 2016: Eleitorado sanjoanense distrito a distrito


Assim como em todo país, os eleitores sanjoanenses vão às urnas no próximo domingo para escolher o prefeito, vice e os vereadores que ficarão no cargo de 1º de janeiro de 2017 a 31 de dezembro de 2020. São 37.631 eleitores aptos a votar em 2 de outubro, número que é superior ao da projeção do IBGE para a população de São João da Barra neste ano. São 112 seções eleitorais, divididas nos seis distritos do município. E qual o peso de cada um dos distritos sanjoanenses?

Na sede do município, na “pedra”, o eleitorado é o maior: 9.325. São 27 seções divididas em quatro escolas: Alberto Torres, Cenecista, Ciep e Domingos Fernandes da Costa. O segundo maior eleitorado está no 5º distrito (Açu, Água Preta, Cazumbá, Estrada da Coruja, Mato Escuro, Palacete e Pipeiras). São eleitores divididos em 30 seções. Candidato à reeleição, o prefeito Neco vota na seção 84, no escola João Coelho da Silva, em Cazumbá.

A praia de Grussaí concentra a terceira maior fatia do eleitorado sanjoanense. São 6.891 cidadãos aptos a votar, espalhados em 19 seções. Logo depois aparece Atafona, com 6.287 eleitores cadastrados, distribuídos em 18 seções eleitorais. A candidata a prefeita Carla Machado (PP) vota na seção 2, no Colégio Estadual Dr. Newton Alves, de Atafona.

Barcelos concentra 3.985 eleitores do município, que estão distribuídos em 11 seções. Já as localidades de Cajueiro/Degredo somam 2.260 eleitores, com sete seções eleitorais.







Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Ministro confere potencial do Porto do Açu

(Foto: Michelle Richa)
O ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira esteve nessa quinta-feira (29) em visita técnica ao Porto do Açu e ao Distrito Industrial de São João da Barra onde confirmou a potencialidade do empreendimento para a implantação da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), a segunda no estado e a primeira na região Norte Fluminense. Empolgados, a previsão do ministro e dos integrantes do Conselho das Zonas de Processamento de Exportação (CZPE) é a criação da ZPE no início do ano que vem.

— Tenho certeza que uma ZPE aqui no Porto do Açu pode trazer amplo desenvolvimento não só para a região, mas para todo o país. Nós estamos muito entusiasmados com este projeto — disse o ministro Marcos Pereira. Ele, inclusive, presenciou um navio atracando no terminal Multicargas para embarcar a primeira carga de projeto do porto — peças de uma plataforma desmontada.

Para viabilizar o projeto o Governo do Estado apresentou um memorando para que o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços possa avaliar. “Adianto que nossa avaliação é super positiva”, disse Pereira.

O ministro é presidente do Conselho, que é composto por membros dos Ministérios da Fazenda; Planejamento, Desenvolvimento e Gestão; Integração Nacional; Meio Ambiente e Casa Civil da Presidência da República. O Conselho é responsável por recomendar ao Presidente da República a criação de ZPEs no país, que são áreas de livre comércio, destinadas à instalação de empresas, com 80% de sua produção voltada para a exportação. Entre as indústrias que podem ser beneficiadas com a instalação da ZPE no DISJB estão a de beneficiamento de rochas ornamentais do Espírito Santo e a do café, de Minas Gerais.

“A ZPE é um grande passo para o desenvolvimento social e econômico sustentável do Norte Fluminense e atende às necessidades que existem na região sudeste em termos de logística portuária”, afirmou José Magela, presidente da Prumo Logística, empresa que desenvolve e opera o Porto do Açu.

Os deputados Júlio Lopes e Roberto Sales estavam na comitiva. Lopes, vice-presidente da Comissão de Viação e Transportes da Câmara Federal, ressaltou a importância da criação da ZPE para o Norte e Noroeste Fluminense. “Fizemos a indicação legislativa, apresentamos ao Presidente da República, e hoje todo o Conselho de avaliação da ZPE está aqui para tornar este projeto realidade”, disse.

O prefeito de São João da Barra, José Amaro Neco e a prefeita de Campos, Rosinha Garotinho, foram convidados, mas não compareceram.

Ferrovia Rio-Vitória tem projeto completo

O governador em exercício Francisco Dornelles não esteve presente, mas mandou representante. “Hoje, o Açu é o porto que tem a maior perspectiva de recebimento de volume de carga no Brasil, para um futuro próximo. Por isso, além da ZPE, é fundamental um sistema de transporte de alta capacidade, que será encabeçado pela ferrovia Rio-Vitória, já com projeto completo”, disse o subsecretário de Transportes do Estado Rio, Delmo Pinho.

A presidente da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro (Codin), Conceição Ribeiro, e a subsecretária da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços (SEDEIS), Dulce Ângela, que representaram o governo do estado.

Vantagens — Um dos diferenciais do Porto do Açu é o seu Terminal Multicargas (T-MULT), que conta com 500 metros de cais. O terminal já movimenta bauxita, coque e cargas de projeto.

Além disso, a região Norte fluminense contará com um ramal rodoviário, a RJ 244, que ligará o DISJB à BR101, e um ramal ferroviário, a EF-118, que ligará o DISJB e o Porto às cidades do Rio e Vitória. A ferrovia, de alta capacidade, possibilitará o transporte de diversos produtos. O número de empresas na região também tende aumentar.







Fonte: Folha da Manhã

Comícios chegam ao fim em São João da Barra

(Foto: Leandro Ferreira | Pense Diferente)
Com uma campanha de tiro curto, muitos candidatos optaram em apostar nas caminhadas, reuniões com lideranças e diminuíram o ritmo intenso de comícios. Mas em São João da Barra não foi bem assim. As reuniões em praças públicas chegaram a acontecer de quarta a sábado em algumas semanas. No entanto, como determina a Justiça Eleitoral, nessa quinta (29) os comícios foram encerrados. Vestidos de azul, os correligionários do prefeito Neco (PMDB), candidato à reeleição, encerraram seus comícios na localidade da Cehab, em Atafona. De vermelho, os que apoiam a candidata Carla Machado (PP) fizeram seu último comício na praça São João Batista, na sede do município.

(Foto: Ascom)
Carla comentou sobre a campanha em seu perfil nas redes sociais. “Essa campanha só nos trouxe alegria, permitindo que estivéssemos juntinhos durante toda a nossa jornada, devolvendo a esperança ao nosso povo. A nossa luta é para que o sanjoanense volte a sorrir”. Neco também falou sobre a reta final da campanha. “Milhares de pessoas ouviram nossas propostas, as verdades. É preciso sempre esclarecer os fatos. Esta campanha mostrou que o bem vai vencer o mal”.

A campanha em SJB foi bastante inflamada. Em alguns momentos, como no desfile cívico de 7 de Setembro e após o debate entre os candidatos no Instituto Federal Fluminense (IFF), os nervos estiveram exaltados. Nenhum caso grave de violência foi registrado. Daqui a dois dias, como rege a democracia, a vontade das urnas será soberana.






Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Homem é assassinado, mulher e duas crianças são baleadas

(Foto: V Notícia)
No início da madrugada desta sexta-feira (30), um homem identificado como Sérgio Roberto Babino de Souza, de 55 anos, foi morto a tiros na rua Daud Salomão Acruche, centro de São Francisco do Itabapoana. Segundo a polícia, além de Sérgio, uma mulher e duas crianças de 3 e 8 anos foram baleadas e estão internadas no Hospital Ferreira Machado (HFM).

As vítimas estavam nesta rua por volta de 0h30, em um veículo modelo Saveiro, de cor branca, quando foram atingidos por tiros. De acordo com a assessoria do hospital, as três vítimas estão em estado estável. A criança de 8 anos foi atingida no ombro direito e está no Pronto Socorro Pediátrico. A outra criança, de 3 anos, foi baleada no olho esquerdo e passará por cirurgia ainda na manhã desta sexta. Já a mulher, de 22, foi atingida no abdome e na mão esquerda. Ela passou por cirurgia e, apesar de estável, seu estado inspira cuidados.

Até o momento, nenhum suspeito foi detido. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso foi registrado na 147ª Delegacia de Polícia (São Francisco).







Fonte: Folha da Manhã

Hemodiálise pode parar por falta de pagamento em Campos


Pacientes que sofrem de problemas renais e precisam de hemodiálise poderão ficar sem o tratamento a partir da próxima segunda-feira (3). Segundo a Clínica Pró-Rim, responsável pela prestação dos serviços de saúde de média e alta complexidade, a Prefeitura de Campos tem uma dívida de R$ 1.637.250,00. O valor seria referente ao acumulado pelos serviços prestados pela terceirizada por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com o diretor-técnico da clínica Pró-Rim, Raymundo Martins Santiago Neto, a possibilidade de suspensão do procedimento para novos pacientes é decorrente da falta dos pagamentos da secretaria municipal de Saúde. Raymundo disse ainda que foram feitas várias tentativas para resolver o problema junto ao poder público municipal. Segundo o diretor, também foram feitas reuniões, informes e notificações, no entanto, até essa quinta-feira (29), nenhum parecer oficial foi emitido.

— O acolhimento ao procedimento para novos pacientes ainda não foi paralisado, pois trata-se de um serviço essencial. Entretanto, chegamos ao limite e se o município não se posicionar oficialmente, os serviços serão interrompidos — contou Raymundo.

À frente da Associação Amigos do Rim (AAR), a coordenadora e co-fundadora da instituição Greice Vasconcelos demonstrou preocupação com a situação.

— Suspender a diálise de um paciente é o mesmo que decretar a sua sentença de morte — afirmou a coordenadora.

A equipe de reportagem entrou em contato com a Prefeitura de Campos, mas nenhum retorno foi obtido até o fechamento desta matéria.








Fonte: Folha da Manhã

Luto: Sawanna, símbolo de campanha de doação de sangue falece no HFM

    

A pequena Sawanna Araújo, de 7 anos, que foi diagnosticada com leucemia e estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Ferreira Machado (HFM), faleceu às 8h desta sexta-feira (30). Nesta quinta-feira, em sua página no facebook, a mãe de Sawanna, Lena Souza, informou que ela tinha entrado em coma. “O doutor que estava de plantão ontem (quarta) falou que o quadro está se mantendo, é gravíssimo, e além da leucemia também há pneumonia, então agrava mais ainda”.


Em tratamento pela doença desde 2015, Sawanna e a mãe foram responsáveis por várias campanhas em redes sociais para pedir que as pessoas realizassem doação ao Hemocentro que funciona no HFM. Os pedidos, que ecoaram da mídia local, aumentaram o estoque da unidade em diversas oportunidades. 





Fonte: Folha da Manhã

ELEIÇÕES 2016:O que candidato e eleitor podem e não podem fazer às vésperas das eleições

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A campanha eleitoral termina neste sábado, dia 1º de outubro, véspera do primeiro turno, que ocorrerá no dia 2 (domingo).

No dia da votação, é permitida ao eleitor só manifestação individual e silenciosa da preferência pelo partido ou candidato, com uso somente de bandeiras, broches, dísticos e adesivos.

Já os candidatos fizeram divulgações nos horários gratuitos de TV e Rádio e comícios até esta quinta-feira. Nesta sexta e sábado, só podem fazer caminhadas, carreatas e panfletagem.

Nos municípios onde a eleição for decidida no segundo turno, a campanha irá até 29 de outubro, um dia antes da votação, no dia 30 (domingo).

A Justiça Eleitoral vem ressaltando que a contribuição mais importante dos eleitores para manter a lisura dessas eleições é eles não venderem seus votos.









Fonte: Campos24horas

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Candidatos são alvos de crimes e ataques em ao menos 12 estados

(Foto: reprodução)
A morte do candidato a prefeito de Itumbiara, em Goiás, atingido por tiros durante uma carreata de campanha, é apenas mais um dos crimes cometidos contra políticos do país.

Um levantamento feito pelo G1 mostra que em ao menos 12 estados houve casos semelhantes, e a polícia investiga a suspeita de motivação política em tentativas de assassinatos e ataques a casas e carros de candidatos.

José Gomes da Rocha (PTB) fazia uma carreata em Itumbiara, onde disputava a eleição para a prefeitura, quando foi atingido por tiros nesta quarta-feira (28). Ele foi socorrido, mas morreu no hospital. Os disparos também atingiram o vice-governador do estado, José Eliton (PSDB), que participava do ato político. Ele está internado na UTI, e o estado de saúde é regular. O suspeito foi morto por seguranças do governo. A polícia ainda apura a motivação do crime.







Fonte: G1

Prisão em Flagrante: Fátima Pacheco descumpre decisão da Justiça e mantém divulgação de pesquisa irregular

(Foto: Ralph Braz  | Pense Diferente)
Na tarde desta quinta-feira(29), candidata a prefeita de Quissamã, a ex-petista Fátima Pacheco, hoje (PTN), foi notificada pelo cartório eleitoral para que retirasse imediatamente toda divulgação referente a pesquisa irregular publicada no Jornal O Dia, no dia 20 de setembro, saiu nova decisão de que se Fátima Pacheco, que vem reiteradamente descumprindo decisão judicial, a respeito da pesquisa eleitoral irregular, em caso de descumprimento, irá constituir crime, onde será passível de prisão em flagrante.


DECISÃO ANTERIOR:

Porem a candidata insiste em desobedecer à ordem judicial e continua propagando no rádio e redes sociais a pesquisa considerada fraudulenta, realizada pelo Instituto R. M. Mariath, que é acusado de várias fraudes eleitorais pelo estado. 

A decisão foi proferida pela juíza Márcia Regina Sales Souza, que considerou haver indícios de crime. Por isso, o caso foi encaminhado para o Ministério Público. Em casos semelhantes, crimes deste porte podem levar inclusive à cassação do registro de candidatura. Esta não é a primeira decisão contra a pesquisa irregular divulgada em Quissamã. A juíza já havia determinado ao jornal O Dia a retirada imediata da notícia da pesquisa em seu site, além de proferir a busca e apreensão de todos os exemplares do jornal. O jornal foi condenado a pagar uma multa de R$ 10 mil e a retirar imediatamente a notícia do ar. 

A R.M. Mariath pertence ao ex-subsecretário de Comunicação de Silva Jardim, Ricardo Machado Mariaht, tem sede em Nova Friburgo, porém a pesquisa foi divulgada em nome da empresa Virtú Consultoria, que funciona Recife. Um dos fatos que mais gerou suspeita na pesquisa é que R.M. Mariaht tem endereço no mesmo local onde funciona a sede do partido PEN (Partido Ecológico Nacional) que em Quissamã apoia a candidata Fátima. Várias pesquisas realizadas pela R.M. Mariaht, e publicadas pelo jornal O Dia, na cidade de Silva Jardim também foram proibidas de serem veiculadas por apresentarem indícios de fraudes. 

A irregularidade na divulgação de pesquisas eleitorais sujeita qualquer cidadão a multas que podem chegar até R$ 100 mil. Qualquer usuário de rede social que reproduzir a irregularidade poderá ser penalizado judicialmente.






Fonte:Pense Diferente

Esgoto é motivo de queixa no Mercado Municipal de Campos

(Foto: Michelle Richa)
Comerciantes que trabalham em torno do Mercado Municipal, no Centro de Campos, reclamaram de vazamento de esgoto na manhã dessa quarta-feira (28). O lugar que acontece o problema é próximo à esquina da rua João Pessoa com a avenida José Alves de Azevedo. Na tarde dessa quarta, a equipe da Folha esteve no local e constatou o vazamento, que, segundo comerciantes, causa transtornos há seis dias. Em nota, a assessoria da concessionária responsável apontou que “o problema ocorre pelo mau uso das redes, com lançamentos inadequados e irregulares”.

— O mau cheiro e essa água podre afastam os clientes. Está nos prejudicando. Toda vez que chove acontece isso, o ralo entope e fica assim. Desde a chuva de semana passada que estamos com esse vazamento. Os próprios comerciantes improvisaram tábuas no local para que as pessoas pudessem passar. Aí fica idoso e criança passando, não vê e acaba pisando nesse líquido sujo — relatou o comerciante João de Brito, de 52 anos, que trabalha há 40 anos no local.

Segundo outro comerciante, que preferiu ter a identidade preservada, nada teria sido feito no local desde que começou o vazamento. “Isso (líquido) passa por baixo do trailer de um churrasquinho. Imagina o quanto de clientes que ele não perde. Muitos não aguentam ficar no lugar com esse odor forte”, falou ele, que trabalho no Mercado há cerca de 50 anos.

Em nota, a assessoria da concessionária Águas do Paraíba, responsável pelos serviços de água e esgoto na cidade, apontou que o problema “trata-se de excesso e irregular lançamento do gordura e resto de comida na rede de esgoto, feita por churrasqueiros e lanchonetes da área, além de sobra de hortifrutigranjeiros”.

Ainda na nota, a Águas do Paraíba concluiu: “Mesmo assim, a concessionária voltará a deslocar equipes técnicas ao local, para verificar os pontos de contribuição negativa, notificar os responsáveis e fazer, novamente, a limpeza e desobstrução de redes”.









Fonte: Folha da Manhã

Compromissos dos candidatos a prefeito nesta quinta-feira(29)


Dr. Chicão
19h – Comício na Lagoa do Vigário
20h – Comício no bairro IPS – local do evento; Avenida Princesa Isabel esquina com Dr. Beda
22h – Debate na Inter TV/Globo

Rafael Diniz
09h – Gravação de Programa Eleitoral
13h – Reunião Interna
22h – Debate na Inter TV – Filiada à Rede Globo

Caio Vianna
22h – Debate em emissora local

Nildo Cardoso
10h – Caminhada e Mini carreata em Nova Brasília (concentração na igreja do Saco);
14h – Reunião com a equipe de trabalho;
22h – Debate na Inter TV(após a novela Velho Chico).

Geraldo Pudim
Não divulgou

Rogério Matoso
Não divulgou






Fonte: Ascom

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Eleições 2016: Candidatos no Porto do Açu


Mesmo com a agenda apertada desta reta final de campanha, os candidatos a prefeito de São João da Barra Neco (PMDB) e Carla Machado (PP) devem comparecer nesta quinta-feira (29) ao Porto do Açu, durante a visita do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Marcos Pereira, e de um grupo de deputados que integram a Comissão de Viação e Transportes da Câmara Federal .

O objetivo da visita é conhecer o porto e as características que o tornam apto a sediar uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE). Os dois candidatos à Prefeitura sanjoanense sabem da importância do porto para livrar o município da dependência dos royalties.








Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Garotinho acusa delegado da PF de fazer campanha para Diniz

(Foto: Época)
Em sua história, sempre quando a situação está apertada, Anthony Garotinho (PR) dispara para todos os lados. Em 2005, quando a juíza Denise Apolinário deu sentença contrária ao seu grupo, ele disparou forte e alegou motivação política. Depois, ao ser condenado como chefe de quadrilha armada, atacou o juiz. Em 2010, durante a cassação de Rosinha e Chicão, criticou a juíza Grácia Cristina do Rosário. Na época ele disse que os manifestantes poderiam até quebrar o Fórum todo.

Dessa vez, ele resolveu usar o seu blog para dizer que há um “escândalo na eleição de Campos”.

Segundo o líder rosáceo, “um delegado federal que ostensivamente tem feito campanha”.

Ele também disse que “o terror tomou conta da cidade com prisões arbitrárias, como da secretária da Família, acusada de oferecer o Cheque-Cidadão a famílias pobres, que na verdade já existe há 8 anos”.

O mesmo Garotinho que, em 2008 comemorou a operação”Telhado de Vidro”, agora quer jogar pedra no trabalho da Federal.

Atualização às 17h40 – Em seu blog Garotinho diz que o delegado Paulo Cassiano Junior teria pedido voto para Rafael Diniz. “Ao ser informado por uma pessoa que recebeu a mensagem que se tratava do telefone do delegado Paulo Cassiano não acreditei. Liguei para um amigo que tem uma loja de telefones celulares, que tem acesso ao sistema, para saber se era possível descobrir o proprietário da linha” (aqui).

“(...) O complô para derrubar nosso grupo político, que defende o povo, e colocar na Prefeitura de Campos um representante das elites envolve várias autoridades (...)”, afirmou o ex-governador e secretário de Governo Anthony Garotinho em seu blog. Ainda na postagem, Garotinho afirma ter encontrado provas “do envolvimento do delegado Paulo Cassiano, da Polícia Federal, no esquema para desestabilizar o governo Rosinha, bombardeando nossos programas sociais”, disse, alegando ter encontrado provas do envolvimento direto do delegado da PF com a campanha de Rafael Diniz.

Além de tornar público o telefone do delegado na postagem, Garotinho divulgou mensagem de SMS atribuída a Paulo Cassiano. Segundo o secretário de Governo, o delegado teria enviado para sua lista de contatos a seguinte mensagem: "Amados amigos, a corrente do bem não para de crescer. Aproxima-se o dia em que Campos será liberta da escravidão e devolvida aos seus legítimos usufrutuários: os campistas. Vai ser diferente!!!”
Garotinho classificou a situação como inadmissível e sugeriu que Paulo Cassiano estaria utilizando uma instituição da seriedade da Polícia Federal para perseguir adversários políticos.

“(...) O senhor Rafael Diniz e o delegado Paulo Cassiano devem explicar à população se fizeram isso com apoio de superiores da instituição ou estão violando o Estado Democrático de Direito. Além de representar contra o delegado junto à corregedoria de sua instituição e ao Ministério da Justiça, a quem está subordinado, pediremos providências urgentes à Justiça Eleitoral porque é impossível campanha equilibrada quando pessoas do Judiciário e da Polícia Federal se juntam para tentar usar o aparelho de Estado contra uma candidatura”, concluiu o secretário de Governo.


A equipe de reportagem não conseguiu contato com o delegado Paulo Cassiano.






Fonte: Blog do Bastos | Terceira Via

Família de jovem Maria Anitta, que caiu de cavalo doa órgãos

 A família da jovem Maria Anitta Azevedo Rodrigues, de 18 anos, decidiu pela doação de seus órgãos após ser confirmada a morte cerebral no Hospital Ferreira Machado (HFM), onde estava internada há oito dias após levar uma queda de um cavalo no domingo (18). A captação de rins, fígado e córneas foi realizada nesta quarta-feira (28) por uma equipe e seguirão para o Rio Transplante.
A decisão da mãe e dos irmãos foi tomada após o diagnóstico da equipe médica da unidade hospitalar. Anitta caiu de um cavalo na Praia de Santa Clara, ela foi socorrida para o Hospital Manoel Carola, em Ponto de Cacimbas e de lá, transferida para o HFM, onde na segunda (19), teve alta. Já em casa, a jovem começou a sentir fortes dores de cabeça e retornou para unidade, sendo diagnosticado um coágulo cerebral.

No último sábado, Anitta acabou sofrendo uma parada cardiorrespiratória, que é a interrupção da circulação sanguínea, e após exames foi confirmada pelos médicos no início desta semana a morte cerebral.

A morte cerebral é a incapacidade do cérebro de manter as funções vitais do organismo, como o paciente respirar sozinho, por exemplo. Um paciente é diagnosticado com morte cerebral quando ele apresenta sintomas como ausência total de reflexos, sendo mantido “vivo” somente com a ajuda de aparelhos, e é nesse momento que se pode fazer a doação de órgão, se for possível.




Fonte: Campos24horas

Rádio Diário está suspensa até o dia das eleições

(Foto: Ralph |Braz | Pense Diferente)
A Justiça Eleitoral tirou a rádio Diário FM de Campos, que pertence ao Grupo O Diário, do ar novamente. E, dessa vez, a suspensão vale até o próximo domingo (2), dia das eleições. No último sábado (24) e domingo (25), a rádio não exibiu a programação. A decisão aconteceu após o secretário de Governo, Anthony Garotinho, criticar as ações da Polícia Federal e do Ministério Público relacionadas à operação “Vale Voto” durante seu programa na rádio. Na ocasião, a prefeita Rosinha Garotinho também participou do programa.

Na última sexta-feira (23), a Justiça já havia notificado a Rádio Diário FM para que entregasse uma cópia da programação daquele dia em que o secretário Anthony Garotinho tivesse participado. Após analisar as gravações, foi tomada a decisão de retirar a rádio do ar. O juiz da 75ª Zona Eleitoral teria advertido aos responsáveis pela rádio que se a propaganda irregular continuasse, a emissora sairia do ar até o término da eleição.

A operação “Vale Voto”, criticada por Garotinho foi a que culminou na prisão da secretária de Desenvolvimento Social de Campos, Ana Alice Ribeiro, da coordenadora do Cheque Cidadão, Gisele Koch, e de mais oito suspeitos. Segundo as investigações, todos estariam envolvidos com o esquema de compra de votos que utilizava o Cheque Cidadão.







Fonte: Terceira Via

Ministro do Desenvolvimento nesta quinta-feira no Porto do Açu

(Foto: Reprodução)
A visita do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Marcos Pereira, e de um grupo de deputados que integram a Comissão de Viação e Transportes da Câmara Federal, ao Porto do Açu, em São João da Barra, está agendada para esta quinta-feira (29/09). O objetivo é conhecer o complexo logístico e as características que o tornam apto a sediar uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

A previsão é que a ZPE, que será a segunda do estado do Rio de Janeiro, e a primeira da região Norte Fluminense, esteja constituída em 18 meses. As ZPE’s são áreas de livre comércio, destinadas à instalação de empresas, com 80% de sua produção voltada para a exportação.

A vinda de Marcos Pereira à região estava marcada para o dia 21 de julho deste ano, mas devido a uma mudança na agenda do ministro, a visita teve de ser adiada.








Fonte Ascom

Agenda dos candidatos a prefeito desta quarta


Rafael Diniz
08h – Sessão na Câmara
09h – Caminhada em Conselheiro Josino
14h – Caminhada no Canaã
18h – Reunião com Lideranças
19 – Live no Facebook
20h – Presença em reunião de candidato a vereador

Rogério Matoso
11h Entrevista na sede do Jornal Folha da Manhã
20h Reunião com Lideranças no Pq. Santa Rosa
21h Reunião com Lideranças no Pq. Aurora

Caio Vianna
20h – Comício Parque Eldorado
21h – Comício Travessão

Dr. Chicão
09h – Caravana do Dr. Chicão no Jardim Carioca, na Praça Santo Antônio
15h – Caravana do Dr. Chicão na Beira Rio Concentração Banco do Brasil
16h- Corpo a Corpo no Centro/Terminal Urbano
19h- Comício Pq. Santa Rosa, na Praça das Vans
20h- Comício Jockey Club, na Rua Ricardo Quitete – Próximo a Padaria

Geraldo Pudim 
Não divulgou

Nildo Cardoso
Não divulgou





Fonte: Ascom

Ônibus da 1001 é assaltado por bandidos armados e passageiros são roubado

(Foto: Divulgação)
Quatro bandidos armados assaltaram passageiros de um ônibus da Autoviação 1001, que fazia a linha Cabo Frio/Itaperuna, na madrugada desta terça-feira (27). O assalto ocorreu no km 08 da BR 356, no Parque Aldeia, em Guarus, Campos.

A polícia informou que o motorista foi abordado por quatro homens que estavam em duas motos e um deles efetuou um disparo contra o coletivo. Com medo, o motorista parou o ônibus e os bandidos roubaram pertences dos passageiros.

A ocorrência foi registrada na 148ª DP de Italva. Os bandidos fugiram sentido Campos. Ninguém foi preso.





Caio e Chicão fazem dobrada de ausências no debate e governo municipal vira alvo de candidatos

(Foto: Silvana Rust)
Não foi só Caio Vianna (PDT), conforme a Suzy Monteiro informou, que alegou “rotina intensa de gravações” para desfalcar o debate entre os candidatos a prefeito de Campos, promovido agora pelo Fórum Interinstitucional de Dirigentes do Ensino Superior de Campos (Fidesc), marcado para começar às 18h, no Centro de Convenções da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf). Alegando “problemas de voz”, o candidato governista Dr. Chicão (PR) até agora também não compareceu ao evento, que começará o primeiro bloco com atraso e sem sua presença.

Atualização às 20h09: Por e-mail, a assessoria do candidato Dr. Chicão enviou nota para justificar sua ausência, que o blog republica abaixo:

Nota da assessoria:
O candidato Doutor Chicão informa que não pôde comparecer ao debate desta terça-feira, no Centro de Convenções da Uenf, em função da dificuldade para falar. O candidato tem se esforçado para cumprir a extenuante agenda neste período de campanha eleitoral. No debate realizado pela TV Record neste domingo (25) ele já falava com dificuldades. Mesmo assim, por querer cumprir todos os compromissos de agenda, participou do grande comício na noite desta segunda-feira (26), no Centro, e ainda nesta terça-feira (27) tentou cumprir agenda de campanha em distritos do Norte de Campos. Este esforço contribuiu para agravar ainda mais as condições de suas cordas vocais. Diante da dificuldade na fala, Doutor Chicão determinou que sua assessoria informasse aos organizadores deste debate sobre a impossibilidade de sua participação.
 
(Foto: Folha da Manhã)
A atual gestão municipal foi o principal alvo dos quatro candidatos a prefeito de Campos durante o debate realizado pelo Fórum Interinstitucional de Dirigentes do Ensino Superior de Campos (Fidesc), na noite desta terça-feira (27), realizado no Centro de Convenções da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf). Apesar da ausência de Dr. Chicão, que alegou estar sem voz, ele não foi poupado por Geraldo Pudim (PMDB), Rafael Diniz (PPS), Nildo Cardoso (DEM) e Rogério Matoso (PPL). Caio Vianna (PDT) também não compareceu. Ele alegou rotina intensa de gravações dos últimos programas eleitorais. O clima foi de cordialidade entre os participantes durante os quatro blocos.

“Este governo não tem nenhum compromisso com a educação básica. No quarto distrito, na Baixada Campista, tem escola municipal que funciona com 170 alunos numa paróquia”, disparou Nildo Cardoso.

Já Rogério Matoso questionou as prioridades da atual administração. “Temos na Prefeitura contrato com empresas de fora que gastam R$ 70 milhões, R$ 80 milhões com jardins. Em contrapartida, vários bairros que não contam sequer com água e esgoto”.

Ao direcionar uma pergunta ao candidato Nildo Cardoso, Pudim classificou como lamentável “a atual situação do município, com o uso de programas sociais para questões políticas”. Ao responder, Cardoso disparou: “quem tinha que estar preso era este casal”. O vereador foi muito aplaudido e a plateia acabou interpelada pelo moderador, já que qualquer manifestação era proibida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

“Este atual desgoverno não estudou o plano de negócios do Porto do Açu. Infelizmente ficaremos apenas com o ônus desse empreendimento. Várias empresas foram para São João da Barra, quando poderiam ter se instalado no Complexo Logístico e Industrial de Barra do Furado. Milhões foram jogados fora, estão enferrujando lá”, ressaltou Rafael Diniz ao falar sobre desenvolvimento.

O debate começou às 18h20 e terminou às 19h05. Durante este período, os candidatos fizeram perguntas entre si, com direito a réplica e tréplica, e responderam questões elaboradas pela comissão organizadora do debate, sorteadas ao vivo, além de questionamentos dos eleitores enviados pelo Facebook.








Fonte: Terceira Via | Folha da Manhã

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Desesperados: Rafael Diniz é vítima de panfletos mentirosos com falsas acusações


Planfletos apócrifos (não assinados) estão sendo distribuídos principalmente nas comunidades carentes de Campos acusando - de forma mentirosa e ilegal - o candidato a prefeito Rafael Diniz (PPS) de pedir ao Ministério Público o bloqueio do Cheque Cidadão. O material ilegal não tem nenhuma identificação exigida pela legislação – o que configura crime eleitoral.

“Nosso jurídico vai tomar as providências cabíveis. Eu lamento esse jogo sujo, jogo de mentira que o governo está fazendo. Tudo isso por causa do nosso crescimento na intenção de voto como mostram as pesquisas. Enquanto vereador, no final de 2013, votei pelo reajuste desse benefício (Cheque Cidadão). Então, agora, como posso ser contra?
Quero dizer que sou a favor do Cheque Cidadão, sim. Da passagem a R$ 1, sim. Não tenho a intenção de acabar com nenhum dos programas sociais que existem atualmente”, afirmou Rafael Diniz.

Sempre respeitando o princípio do contraditório e buscando as diferentes versões para um mesmo fato, o jornal Terceira Via tentou contato com a assessoria de comunicação do TRE, sem obter respostas. Ainda assim, o jornal aguarda e publicará as versões para este fato.

Suspensão do benefício

No último dia 22, o juiz Eron Simas deferiu o pedido do Ministério Público Eleitoral e suspendeu o benefício do Cheque Cidadão para os inscritos no programa a partir do dia 1º de junho desse ano. De acordo com a decisão, o benefício está suspenso até o final do período eleitoral. A inclusão de novos nomes também está vetada.

“(...) o Cheque Cidadão constitui importante instrumento de política social de transferência de renda que busca amparar famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza, garantindo um valor mínimo para atendimento das necessidades de primeira ordem (...). A prova documental acostada aos autos (...) indica que, nos últimos meses, agregou-se à finalidade social do programa componente político, tornando-o ferramenta de campanha eleitoral”, informa o documento.

Ainda de acordo com o documento judicial, “houve um sensível aumento no número de beneficiários. Se em março/2016 havia 11.542 pessoas inscritas, em agosto/2016 esse número aumentou para 12.954. Em cinco meses foram incluídos 1.412 beneficiários. Somente de junho para julho 712 pessoas foram cadastradas para receber a quantia”.












Fonte: Terceira Via

Fátima Pacheco desobedece Justiça Eleitoral e mantém divulgação de pesquisa irregular

(Foto: Divulgação)
Após evitar a justiça eleitoral por dois dias, a candidata a prefeita de Quissamã, a ex-petista Fátima Pacheco, hoje (PTN), foi notificada pelo cartório eleitoral para que retirasse imediatamente toda divulgação referente a pesquisa irregular publicada no Jornal O Dia, no dia 20 de setembro, sob a pena de pagar multa de 15 mil reais por dia. Porem a candidata insiste em desobedecer à ordem judicial e continua propagando no rádio e redes sociais a pesquisa considerada fraudulenta, realizada pelo Instituto R. M. Mariath, que é acusado de várias fraudes eleitorais pelo estado. 

A decisão foi proferida pela juíza Márcia Regina Sales Souza, que considerou haver indícios de crime. Por isso, o caso foi encaminhado para o Ministério Público. Em casos semelhantes, crimes deste porte podem levar inclusive à cassação do registro de candidatura. Esta não é a primeira decisão contra a pesquisa irregular divulgada em Quissamã. A juíza já havia determinado ao jornal O Dia a retirada imediata da notícia da pesquisa em seu site, além de proferir a busca e apreensão de todos os exemplares do jornal. O jornal foi condenado a pagar uma multa de R$ 10 mil e a retirar imediatamente a notícia do ar. 

A R.M. Mariath pertence ao ex-subsecretário de Comunicação de Silva Jardim, Ricardo Machado Mariaht, tem sede em Nova Friburgo, porém a pesquisa foi divulgada em nome da empresa Virtú Consultoria, que funciona Recife. Um dos fatos que mais gerou suspeita na pesquisa é que R.M. Mariaht tem endereço no mesmo local onde funciona a sede do partido PEN (Partido Ecológico Nacional) que em Quissamã apoia a candidata Fátima. Várias pesquisas realizadas pela R.M. Mariaht, e publicadas pelo jornal O Dia, na cidade de Silva Jardim também foram proibidas de serem veiculadas por apresentarem indícios de fraudes. 

A irregularidade na divulgação de pesquisas eleitorais sujeita qualquer cidadão a multas que podem chegar até R$ 100 mil. Qualquer usuário de rede social que reproduzir a irregularidade poderá ser penalizado judicialmente.









Fonte: Pense Diferente


Fim da conversa no bate-papo

Apae pede socorro na internet


Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Campos (Apae) recorreu às redes sociais para pedir doações. Segundo a direção, a entidade está sem receber os repasses mensais no valor de R$ 35 mil referentes ao convênio firmado por meio da Fundação da Infância e Juventude (FIA) e a secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos do Estado do Rio de Janeiro (Seasdh). A iniciativa prevê o “apadrinhamento solidário” para tentar ajudar a instituição que assiste diariamente cerca de 300 pessoas entre crianças, adolescentes, adultos e idosos na sede do município e também no Farol de São Thomé.

De acordo com a presidente da Apae de Campos, Marilane Amaral Pessanha, por causa do atraso nos repasses, nove funcionários foram demitidos e serviços como aulas de capoeira e informática estão sendo cortados. Segundo Marilane, os ajustes estão sendo necessários para que atividades vitais não sejam comprometidas.

— O convênio com a FIA beneficia 100 assistidos de 7 à 18 anos. Sem a verba, estamos adaptando as receitas vindas de outros acordos em conjunto com a verba adquirida por meio de doações da sociedade civil e dos eventos beneficentes que promovemos para tentar suprir as necessidades da associação. No entanto, tememos a possibilidade de redução da carga horária por conta da falta de dinheiro — contou a presidente.

Na tentativa de amenizar as dificuldades financeiras, as coordenadoras da Apae, Silmara Vasconcelos e Merilane Barreto, começaram uma campanha no Facebook, convidando aos internautas a contribuírem mensalmente “com o valor que for possível” para que o trabalho seja mantido. As doações podem ser feitas por meio de depósito bancário através da Caixa Econômica Federal, agência 4120, conta-poupança 708-6, CNPJ 01.576.713/0001-60. Para aqueles que querem ser tornar padrinhos, também podem entrar em contato através do telefone (22) 2722-4181.

A equipe de reportagem tentou contato com a secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos para saber sobre o atraso nos repasses e a previsão para a regularização da questão, mas não obteve resposta até o fechamento desta edição.








Fonte: Folha da Manhã

Cheque Cidadão: PF cumpre mandados em órgãos da prefeitura

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Polícia Federal realiza hoje a segunda etapa da operação Vale Voto com o cumprimento de 14 mandados de busca e apreensão, sendo 13 em órgãos da Prefeitura de Campos e 1 em Uberlândia-MG. A PF em nota divulgou que na operação “foram arrecadados diversos documentos que reforçam os fatos sob apuração”. Também informou que não foram expedidos mandados de prisão ou de condução coercitiva, mas que algumas pessoas compareceram espontaneamente para prestar esclarecimentos.

As buscas foram realizadas nas unidades do Cras de Goitacazes, Jardim Carioca, Portelinha, Tapera e Ururaí. Também no Esplanada e Guarus. Ainda não há informações sobre o mandado cumprido em Uberlândia, porém é no município que funciona a sede da empresa Trivale Administração, responsável por administrar o benefício.

A operação “Vale voto”, que investiga suposta utilização de Cheque Cidadão para favorecer candidatos a vereadores do grupo governista. A operação levou à prisão, sexta-feira passada, a secretária de Desenvolvimento Humano e Social, Alice Alvarenga e Gisele Koch Soares, coordenadora do Cheque Cidadão.

Mais informações em seguida.








Fonte: Blog Na Curva do Rio

Debate na Uenf com os seis candidatos a prefeitura de Campos


A última semana antes do primeiro turno das eleições é sempre a mais importante, ainda mais com o número alto de indecisos como ainda existe. Um fator apontado pelos candidatos como primordial nesse momento são os debates. Nesta terça-feira (27), acontece o promovido pelo Fórum Interinstitucional de Dirigentes do Ensino Superior de Campos (Fidesc), órgão que reúne gestores das instituições públicas e privadas do município, e terá como tema “Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia, Planejamento Urbano e Propostas e Compromissos”. O debate está marcado para às 18h, no Centro de Convenções da Universidade Estadual do Norte-Fluminense (Uenf) e contará com transmissão ao vivo da PlenaTV, Rádio Continental e na Folha Online. Já na quinta-feira (29), após o penúltimo capítulo da novela “Velho Chico”, acontece o último debate, na InterTV Planície, do Grupo Folha e afiliada à Rede Globo.

O debate desta noite será mediado pelo jornalista Aldefran Lacerda, que será assessorado pelos professores Hélio Coelho e Júlio Tinoco, ambos também do Uniflu, e pelo reitor do IFFluminense e presidente do Fidesc, Jefferson Manhães. A ordem de pronunciamento dos candidatos será definida por sorteios, alguns a serem realizados previamente com os assessores, e outros, durante o debate, respeitando a dinâmica de cada bloco.

Quinta-feira, é grande a expectativa para o encontro entre os seis candidatos. O debate será mediado pela jornalista Beth Lucchesi, que já esteve na cidade em 2012, mediando o daquele ano. Serão quatro blocos, com duração prevista de 1h40. Dois blocos serão de temas livres e dois de temas determinados. A posição dos candidatos será sorteada no dia do debate.

Record – No último domingo, a TV Record abriu o ciclo de debates da semana, com os seis candidatos.








Fonte: Folha da Manhã

Possível pagamento de propina da Odebrecht em obras do HGG

(Foto: Divulgação)
Agentes políticos de Campos poderão figurar nas investigações da Operação Lava Jato por conta da suspeita de desvio de dinheiro nas obras do Hospital Geral de Guarus(HGG). O hospital foi construído nos anos 2000, pela Construtora Odebrecht, durante a gestão do ex-prefeito Arnaldo Vianna. Segundo e-mails interceptados durante as investigações da Lava Jato, há suspeita de pagamento de propina pela empreiteira Odebrecht.

A Polícia Federal ainda não informou o período das obras que está sendo investigado. Em nota, a Prefeitura de Campos informa que os fatos investigados não dizem respeito a atual gestão. “As obras de construção do Hospital Geral de Guarus foram concluídas no ano de 2001 na gestão do então prefeito Arnaldo Vianna”.

De acordo com o site do Estadão, o empresário Marcelo Odebrecht autorizou pagamentos, em Campos, de vantagem indevida ao codinome CASSINO. Em coletiva de imprensa sobre a 35ª fase da operação Lava-Jato, deflagrada na manhã desta segunda-feira (26), o delegado da Polícia Federal (PF), Filipe Hille Pace, informou que as investigações apontam para a atuação e interferência da empresa Odebrecht em municípios. Ele cita a “obra de hospital em Campos dos Goytacazes”.









Fonte: Campos24horas

Ministério Público apura contratações irregulares na Prefeitura de SJB

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Uma operação da 37ª Promotoria Eleitoral em São João da Barra foi deflagrada na manhã desta terça-feira (27) com o objetivo de apurar denúncias de possíveis contratações irregulares de funcionários de forma indevida, com motivação eleitoral, por suposta indicação de candidatos a vereador. A confirmação é da assessoria de imprensa do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

A ação cumpre mandados de busca e apreensão no setor de Administração e Folha de Pagamento da Prefeitura, bem como nas secretarias de Saúde; Transporte e Trânsito; Turismo, Esporte e Lazer; e Educação e Cultura.









Fonte: Blog do Arnaldo Neto

Acidente envolvendo táxi no Centro de Campos

(Foto: Divulgação)
Um acidente envolvendo um táxi na manhã desta terça-feira (27), deixou uma pessoa levemente ferida. A colisão ocorreu no cruzamento das ruas Conselheiro José Fernandes e Tenente Coronel Cardoso (antiga Formosa) , no Centro de Campos.

As causas do acidente não foram divulgadas. A vítima também não teve seu nome revelado.









Fonte: Campos24horas

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Rafael Diniz lidera e venceria Dr. Chicão no 2° turno com 12 pontos de diferença

(Foto: Divulgação)
Em pesquisa realizada pelo instituto de pesquisas Pro4, encomendada pelo grupo Folha da Manhã, a pesquisa foi realizada nos dias 23 e 24 de setembro, onde foram entrevistadas 1500 eleitores acima de 16 anos. Para os entrevistados, Rafael Diniz seria o novo prefeito da cidade de Campos, vencendo o candidato Dr. Chicão no primeiro e no segundo turno. Confira abaixo os números:

ESTIMULADA
Rafael Diniz – 37,7%
Dr. Chicão – 33,1%
Caio Vianna – 10,9%
Nildo Cardoso – 1,8%
Geraldo Pudim – 1,1%
Rogério Mattoso – 1%
Branco/Nulo – 2,8%
Não sabe/Não opinou – 11,6%

ESPONTÂNEA
Rafael Diniz – 29,9%
Dr. Chicão – 27,7%
Caio Vianna – 9,1%
Nildo Cardoso – 1,6%
Geraldo Pudim – 0,7%
Rogério Mattoso – 0,5%
Branco/Nulo – 3,4%
Não sabe/Não opinou – 26,9%

2° TURNO ENTRE RAFAEL x DR. CHICÃO
Rafael – 46,3%
Dr. Chicão – 33,6%
Branco/nulo – 5,4%
Não sabe/Não opinou – 14,7%

2° TURNO ENTRE RAFAEL x CAIO VIANNA
Rafael – 47,2%
Caio Vianna – 24,3%
Branco/nulo – 8,4%
Não sabe/Não opinou – 20,1%

2° TURNO ENTRE DR. CHICÃO x CAIO VIANNA
Caio Vianna – 34%
Dr. Chicão – 32,4%
Branco/Nulo – 10,9%
Não sabe/Não opinou – 22,7%

REJEIÇÃO
Dr. Chicão – 34,3%
Geraldo Pudim – 21,4%
Caio Vianna – 5,3%
Nildo Cardoso – 5,1%
Rogério Mattoso – 4,2%
Rafael Diniz – 3,9%
Não rejeito nenhum – 6,9%
Rejeito todos – 4,3%
Não sabe/não opinou – 15,1%

A margem de erro para todos os resultados é de 3,5% para mais ou para menos.







Fonte: Click Campos

O DIA: " Carla Machado lidera com folga em São João da Barra"

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Pesquisa realizada no município de São João da Barra pelo Ibope Inteligência a pedido do Diário da Costa do Sol mostra a candidata Carla Machado (PP) na liderança isolada com 69% das intenções de voto. O atual prefeito e candidato à reeleição José Amaro Martins de Souza, conhecido como Neco (PMDB), está bem atrás, com 22%. Votos brancos e nulos somam 4% e indecisos são 5%.

O levantamento foi feito dias 18 e 21 de setembro e entrevistou 406 eleitores. A margem de erro da pesquisa é de cinco pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro sob o protocolo número RJ-02605/2016.



Carla Machado também lidera com folga na intenção de voto espontânea (sem apresentação do nome dos candidatos). Ela tem 65% dos votos, contra 19% de Neco. Pelo levantamento, o atual prefeito tem o maior índice de rejeição: 66%. Já Carla Machado foi rejeitada por 19% dos entrevistados. 

O levantamento foi feito dias 18 e 21 de setembro e entrevistou 406 eleitores. A margem de erro da pesquisa é de cinco pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro sob o protocolo número RJ-02605/2016.

Carla Machado também lidera com folga na intenção de voto espontânea (sem apresentação do nome dos candidatos). Ela tem 65% dos votos, contra 19% de Neco. Pelo levantamento, o atual prefeito tem o maior índice de rejeição: 66%. Já Carla Machado foi rejeitada por 19% dos entrevistados.







Fonte: O Dia

Royalties: São João da Barra receberá R$ 6 milhões nesta segunda-feira


A Prefeitura de São João da Barra receberá nesta segunda-feira, 26, a quantia de R$ 6.053.262,95 referentes aos royalties, recurso 9,1% inferior ao do mês passado, quando foram pagos R$ 6.658.764,50.

No mês de agosto o município recebeu R$ 6.658.764,50 (seis milhões, seiscentos e cinquenta e oito mil, setecentos e sessenta e quatro reais e cinquenta centavos) na última quarta-feira, 31. O valor é 2,5% superior ao repassado no mês passado, quando a administração pública recebeu R$ 6.495.055,40.

Desde maio, São João da Barra recebe royalties com aumento como mês de maio, em que município recebeu o valor de R$ 5.217.388,17. Já em junho, a quantia de R$ 5.265.366,92. Com 23% de aumento, o mês de julho São João da Barra recebeu R$ 6.495.055,40.







Fonte: Parahybano