CIRCUITO JUNINO

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Unidades da Prefeitura de Quissamã tem energia cortada

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Prefeitura de Quissamã informou na manhã desta terça-feira (02/08), por meio de comunicado que não está havendo expediente administrativo na sede do executivo municipal, porque a concessionária Ampla suspendeu o fornecimento de energia elétrica de várias unidades da Prefeitura devido a pendências no pagamento das contas. Escolas e unidades de saúde estão funcionando normalmente.

Segundo a Prefeitura, o corte descumpre a decisão judicial da comarca local. Ainda segundo a nota, a prefeitura está buscando a Ampla para sanar as dívidas existentes.

Em nota, a Ampla informou que "devido ao não pagamento de faturas por parte da Prefeitura Municipal de Quissamã, a Ampla efetuou, na manhã de hoje (02/8), o corte do fornecimento de energia elétrica de oito unidades do município: a sede administrativa da prefeitura, Parque de Exposição Renato Queirós Carneiro da Silva, Ginásio Poliesportivo, Tatersal Pavilhão de Leilões, Parque Aquático Municipal, Estádio Municipal Antônio Carneiro da Silva, além de duas unidades da Zona Especial de Negócios da cidade.

A empresa somente tomou a decisão de interromper o abastecimento de energia após tentar negociar o débito em várias ocasiões. Vale ressaltar que a distribuidora preservou o fornecimento de energia aos serviços essenciais como iluminação pública, hospitais, escolas, corpo de bombeiros e vias públicas."

A concessionária esclareceu também que "que a decisão judicial restringiu o corte do fornecimento apenas para unidades que prestam serviços públicos essenciais. Portanto, a distribuidora ressalta que não está descumprindo a decisão da Justiça, já que efetuou o corte apenas para unidades que não prestam serviços essenciais."






Fonte Ururau