CIRCUITO JUNINO

quinta-feira, 14 de abril de 2016

PERDIDO: Em meio a perseguições, e exonerações Neco, faz nova nomeação na administração

(Foto: Ralph Braz | Blog Pense Diferente)
A conta gotas. Assim tem sido a reforma administrativa do prefeito Neco (PMDB), após a saída de secretários e subsecretários que têm a intenção de disputar o pleito deste ano. No Diário Oficial desta quinta-feira (14), foi nomeada a nova subsecretária de Administração, Laís Pessanha de Souza. A pasta é comandada por Rogério Zorzal, nomeado neste mês no lugar de Alan Rios, que saiu para assumir a direção do caixa de previdência própria municipal.

Foram exonerados dez secretários e três subs. Devido às eleições saíram os secretários de Agricultura, Saúde, Educação, Fazenda, Trabalho e Transportes. O de Obras pediu para sair e foi para oposição. Já os secretários de Turismo e o comandante da Defesa Civil foram exonerados por serem considerados como “do outro lado”. Na Administração, as mudanças foram apenas estratégicas.

Cabe salientar que em algumas pastas o papel de subsecretário sempre foi obsoleto. Não nomear ninguém, não atrapalharia em nada o trabalho. Pelo contrário, daria fluidez ao trabalho e ainda ajudaria o município a economizar neste período de crise.

Nessa reforma administrativa deste período pré-eleitoral, estão vagos os comandos das secretarias de Trabalho e Renda, Educação e Cultura, Transporte e Trânsito, Agricultura e Obras. Há rumores que alguns subsecretários, hoje secretários em exercício, vão assumir o posto de forma definitiva. As pastas com cargo de subsecretário sem nomeado são: Assistência Social, Comunicação, Defesa Civil e Turismo.











Fonte: Blog do Arnaldo Neto