CIRCUITO JUNINO

terça-feira, 30 de junho de 2015

CÂMARA DE SJB APROVA ORÇAMENTO DE QUASE MEIO BILHÃO PARA 2016


Nesta terça-feira (30), a Câmara realizou duas Sessões Ordinárias, sendo a primeira para apreciar o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o próximo ano, estimada em R$ 451.491.335,07. Os vereadores Aluizio Siqueira, Alex Firme e Ronaldo Gomes de Souza, apresentaram cinco emendas, mas elas receberam pareceres contrários das Comissões de Finanças e Orçamento e de Justiça e Redação, sendo reprovadas em plenário pela bancada do Prefeito Neco. O projeto de lei foi aprovado na íntegra, com voto contrário de Alex e Ronaldo. Por ser Presidente, Aluizio não pôde votar – salvo apenas em caso de empate.

O Presidente da Câmara lamentou a reprovação das emendas, informando que algumas delas foram sugeridas pela Ong Associação Núcleo de Educação Ambiental da Bacia de Campos. Alex explicou ao público o objetivo de cada emenda, destacando que elas seriam importantes para o futuro do município e atenderiam a população em várias áreas.

As três primeiras tinham o objetivo de adicionar investimentos no valor de R$ 1 milhão para as atividades culturais e esportivas; R$ 2 milhões para a Guarda Municipal, para apoio à segurança pública e R$ 10 milhões para ampliação e adequação das estruturas físicas, materiais e equipamentos para a criação de um hospital público de média e alta complexidade, além de ampliação dos postos de saúde.

A quarta emenda modificaria o artigo 2º sobre “obras e instalações de manutenção de estradas vicinais no valor de R$ 1.5 milhões”, passando para R$ 4 milhões e priorizando as estradas de acesso e ramais dos distritos polos da agricultura familiar. A última visava alterar o percentual de autorização para o Prefeito abrir crédito adicional no curso da execução orçamentária para “não superior a 10%” (na lei original, a redação é “não inferior a 50%”).

Mais – Já na segunda Sessão Ordinária, foram aprovados projetos do Executivo, entre eles: nº 022/15, que cria gratificação de produtividade fiscal para os cargos de auditor fiscal de tributos e fiscal de tributos; nº 023/15, que dá nova redação ao artigo 192 da Lei 359/15 que estabelece normas complementares ao Plano Diretor, disciplina e ordena o uso e a ocupação do solo urbano e dispõe sobre o parcelamento do solo do município; nº 025/15, que institui o Plano Municipal de Educação; nº 026/15, autorizando abertura de crédito adicional especial de R$ 429.230,00 por excesso de arrecadação com a finalidade de criação de dotação orçamentária especifica para possibilitar a utilização de recurso repassado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Também foi aprovado o projeto de lei nº 027/15, que altera a redação do caput do artigo 170 do Estatuto dos Servidores Públicos, a constar que “na apuração do abandono de cargo ou inassiduidade habitual, também será adotado o procedimento sumário a que se refere o artigo 163”. Por fim, o plenário aprovou o projeto de lei nº 028/15 que dispõe sobre apreensão de animais de médio e grande porte soltos nas vias públicas do município e o 029/15, que institui a estrutura administrativa da Secretaria Municipal de Planejamento e Informatização, altera cargos comissionados e função gratificada.

A partir desta quarta-feira (1º), o Legislativo dá início ao recesso parlamentar que seguirá até o fim do mês de julho.





Fonte: Ascom

HEMOCENTRO PRECISA DE DOAÇÕES COM URGÊNCIA

(Foto: Divulgação Secom)
O Hemocentro Regional de Campos, que funciona no Hospital Ferreira Machado (HFM), está precisando de doações de todos os tipos sanguíneos. Com uma demanda maior que o número de doações, a situação está crítica e algumas cirurgias eletivas, ou seja, marcadas com antecedência, estão sendo adiadas por falta de sangue. 

A assistente social do Hemocentro, Rosangela Frauches, diz que a unidade só está conseguindo atender às urgências e emergências. "A demanda por transfusões é muito maior que a quantidade de doações recebidas. A população de Campos cresceu muito nos últimos anos, e o número de procedimentos cirúrgicos também aumentou consideravelmente", afirma a assistente social. 

O Banco de Sangue, que normalmente, registra uma média de 40 doadores por dia, tem recebido cerca de 20 doadores/dia. O Hemocentro precisa de no mínimo, 70 doações diárias para manter seu estoque equilibrado. Podem doar jovens e adultos de 16 até 67 anos. 

Doadores com 16 e 17 anos devem preencher formulário próprio fornecido pelo Hemocentro Regional de Campos, com o consentimento formal do responsável legal para cada doação, e com cópia da identidade oficial do responsável anexada. Candidatos com idade superior a 60 anos só poderão doar se realizaram doações de sangue anteriormente.

Para doar também é preciso levar um documento original de identidade com foto, ter peso superior a 50 Kg, não estar em jejum e não ter ingerido alimentos gordurosos nas últimas três horas. Além das doações na sede do Hemocentro, que funciona diariamente das 7h às 18h, instituições públicas, empresas, comunidades e municípios podem colaborar com o Banco de Sangue por meio da Unidade de Coleta Móvel, agendando visitas pelo telefone 0800 28 20 250.





Fonte: Secom

BANDIDO INVADE LOJA DE MATERIAL ESPORTIVO NO CENTRO E RENDE VENDEDORA

(Foto: Filipe Lemos | Campos 24 horas)
A Loja Chicri, de materiais esportivos, situada na Rua João Pessoa, no Centro de Campos, foi invadida por um ladrão armado, na manhã desta terça-feira (30), por volta das 10h30. Uma vendedora foi rendida e agredida pelo ladrão.

Segundo a polícia, o suspeito trajando camisa branca e bermuda vende e portava uma faca. Ele rendeu, inicialmente, uma funcionária e anunciou o assalto.O ladrão chegou a arranhar o braço esquerdo da vendedora.

Após roubar 10 camisas, no valor de R$ 119 cada, fugiu em uma bicicleta. Populares que passavam pelo local perceberam o roubo e acionaram a polícia.

Buscas estão sendo feitas na área central.




Fonte: Campos 24 horas

VEREADOR KAKÁ PRESTA ESCLARECIMENTOS NA POLÍCIA FEDERAL EM CAMPOS

(Fotos: Ralph Braz)
Na tarde desta terça-feira(30/06), o vereador Kaká(PTdo B), esteve na delegacia da Polícia Federal, sendo houvido

Referente a uma investigação judicial eleitoral, montada contra ele referente ao pleito de 2012.De acordo com o vereador " fantasiosamente a parte autora relata ter visto na rua de sua residência em São João da Barra, sendo acompanhado pela patrulha da polícia militar(PM) com a suspeita de compra de votos, onde a PM, estaria me dando cobertura. Isso um dia das eleições, na investigação eles se confundem com o horário, em dado momento eles dizem que foi as 23h do dia 6/10/2012, em outro que foi as 2h, da manhã e em outro momento foi as 3h da manhã.


O autor do processo foi o PMDB, a então ex-prefeita Carla Machado, onde envolve também policiais militares que eu não conheço. que segundo de forma fantasiosa, ela disse que eles estavam fazendo
a minha escolta, onde estaria comprando votos,ou seja a polícia militar estava a meu serviço cometendo crime, segundo ela. "




Foi perguntado ao vereador se a ex-prefeita teria junto provas contar ele, ele disse "que não, só papel  e que papel aceita tudo, não tem uma fotografia, só o que ela falou no papel. Isso é uma aberração, não existe provas, não existe materialidade de provas, o fato não ocorreu, simplesmente foi uma vingança política, porque ela foi presa e depois da prisão ela ficou desequilibrada, precisou fazer tratamento psicológico, ela saiu de uma série de ataques, e que saiu atacando todos aqueles que ganharam a eleição,  e que foram concorrentes a ela, é caso de cuidados médicos, que ela precisa. Ela precisa de acompanhamento médico.



Inclusive eu sou técnico de enfermagem eu tenho pessoas para indicar para trata-lá, se assim necessitar.
Qual o nome do Hospital que temos aqui em aqui em Campos? PINEL, não Henrique Roxo, não João Viana, é...



PD- Em algum momento ela se dirigiu diretamente ao senhor se referindo a esse assunto, ou não? 
" Sim, ela usou duas testemunhas, cooptou duas do meu grupo político e disse inclusive que essas duas pessoas teriam fotografias, fotos essas que aguarda até hoje. Fotografias minhas com policiais  militares fazendo a minha escolta, nessa acusação leviana que ela fez..."

PD- Algum policial citado na investigação foi afastado? 
"Inclusive tem um aqui, que conheci aqui, os outros dois também não conheço, não sei se são brancos, louros, morenos... segundo ela estariam fazendo minha escolta. Caracterizados numa viatura da polícia militar. 

"Isso tudo se deu porque ela não reagiu bem,  passou a noite aqui na Polícia Federal, ela foi presa, ficou detida aqui a noite, e ela disse que a culpa não era dela, era da cela , a cela estava no local errado." - Finalizou o vereador Kaká.


Logo depois o sargento Renato, um dos acusados na investigação também deu seu relato do que aconteceu.
" Eu estava de serviço nesta noite com mais dois policiais militares, no DPO do Açu, e saímos de lá para uma ocorrência, que seria um atropelamento, no horário de 20h15, na localidade de Sabonete, onde ficamos envolvidos com essa ocorrência até as 23h15, na Delegacia de São João da Barra, posterior a ocorrência nos estivemos em Campos no batalhão para abastecer a viatura por volta de 00h30, após o abastecimento da viatura a gente procedeu para o DPO do Açu, e fomos para o descanso logo depois. Porque eu fui solicitado pela promotora do município de SJB para trabalhar com ela, para fiscalizar a eleição domingo, haja visto que eu já trabalhava com essa promotora, e trabalhei no Ministério Público durante sete anos. "


Finalizou o sargento José Renato Soares Florêncio



Fonte:Blog Pense Diferente

LADRÃO ARMADO É DETIDO TENTANDO ROUBAR PERTO DE FACULDADE NA 28 DE MARÇO

(Foto: Ralph Braz)
Um homem foi preso após uma tentativa de assalto na Avenida 28 de Março, próximo a uma faculdade, no Centro de Campos.

Com uma faca, o suspeito teria abordado um jovem que passava pela ciclovia anunciando o assalto ordenando que a vítima desse seu celular. A vítima reagiu e populares que passavam pelo local detiveram o suspeito até a chegada da polícia.

O acusado foi encaminhado para a 134ª DP/Centro, onde foi autuado e preso.




Fonte: Campos 24horas

MARIDO CONFESSA QUE MULHER MORREU APÓS BRIGA, MAS É LIBERADO

(Foto: Reprodução Facebook)
Em entrevista coletiva realizada na tarde desta segunda-feira (29), o delegado titular da 134ª DP/Centro, Geraldo Rangel, disse que estranha a versão do petroleiro Clóvis Oliveira Souza, de 37 anos, marido da comerciária Eligia Rosário Ambrósio Von Held, de 29 anos, que foi encontrada morta dentro de sua casa, no Parque Imperial, em Campos.

De acordo com o delegado, durante o depoimento, o petroleiro confirmou que a mulher morreu após uma briga, mas que não teve a intenção de matá-la. O delegado ainda revelou que a briga foi iniciada porque o petroleiro chegou tarde à sua casa dias antes.

“Ele disse que não teve a intenção de matar a mulher, mas confirma a existência da briga. Em decorrência da briga, ele informou que caiu da cama em cima dela e que sua mão bateu no pescoço de Eligia. O marido da vítima percebeu que ela tinha morrido, saiu de casa e foi para casa de uma irmã. A polícia só tomou ciência do caso por volta das 15h deste domingo”, contou o delegado, que acrescentou.

“A irmã entrou em contato com os advogados que perceberam que ele deveria responder criminalmente. O que muito me estranha é que ele não chamou, nem tentou nenhum tipo de socorro para Eligia, nem mesmo a polícia no dia do ocorrido. O casal não tinha filhos e não tinha testemunhas na casa. Vamos aguardar a prova do laudo técnico do local e de necropsia para ver se há possibilidade da história do marido ser verdade. Os laudos devem ficar prontos em aproximadamente 30 dias. O local aponta indícios de violência”, concluiu o delegado Geraldo Rangel.

Geraldo Rangel ainda frisou que o caso foi registrado como homicídio doloso na 134ª DP/Centro. O petroleiro prestou depoimento e foi solto, visto que, de acordo com a lei, quem comete um homicídio e se apresenta espontaneamente à polícia, mesmo estando dentro do prazo de 24 horas, deve responder em liberdade.

(Atualização às 13h – 29/06) – Na manhã desta segunda-feira(29), o Campos 24 Horas foi informado que, no IML, teria sido verificado que o pescoço da vítima não estava quebrado, hipótese que havia sido levantada por um dos advogados do marido da vítima.
Na verdade, exames teriam constatado que a morte se deu por “ação contundente”, e que a vítima ficou com os “olhos hemorrágicos”. Agora, a polícia vai investigar se a queda da cama alegada pelo marido deu causa à morte.


Como aconteceu

A comerciária Eligia Rosário Ambrósio Von Held, de 29 anos, foi encontrada morta dentro de sua casa, no Parque Imperial, em Campos. O corpo de Eligia foi encontrado na tarde deste domingo(28), por volta das 15h30, ao lado da cama de um dos quartos da casa. A polícia foi avisada do crime pelo advogado do marido da vítima, um petroleiro de iniciais C.O.S., de 37 anos, que afirma ter ocorrido um acidente. Segundo ele, estava discutindo com a mulher quando ela levou uma queda da cama.

O advogado do petroleiro esteve na 134ª DP/Centro e relevou que o seu cliente o procurou e disse que a mulher havia morrido. A polícia enviou uma equipe ao local e constatou a morte.

C.O.S. trabalha na Petrobras como supervisor de plataforma. Ele teria alegado para o advogado que ficou em pânico após constatar que a mulher havia morrido e saiu de sua casa. A morte ocorreu na noite de sábado e a polícia foi avisada somente na tarde deste domingo.






Fonte: Campos24horas

VEREADOR KAKÁ, DEVE SE APRESENTAR NESTA TERÇA(30) NA POLÍCIA FEDERAL

(Foto: Ralph Braz)
O Vereador de São João da Barra, Carlos Machado da Silva, Kaká, atual número um do Governo Neco, foi intimado pela Polícia Federal no dia 27 de abril para comparecer nesta terça-feira, dia 30 de junho, a sede da Polícia Federal, em Campos.

De acordo com informações exclusivas obtidas pelo Portalozk.com , o vereador Kaká deve se apresentar na Delegacia da Polícia Federal, no município de Campos dos Goytacazes, às 14h desta terça, a fim de prestar esclarecimentos no interesse da Justiça.

A intimação de número 0400/15 da Polícia Federal foi entregue ao vereador Kaká datada desde 26 de março do corrente ano para ser entregue. Kaká será ouvido pelo Delegado da Polícia Federal Gilvan Cleófilas Garcia de Paula.

Intimado pela Polícia Federal, o vereador Kaká ainda é dúvida para a Sessão da Câmara de São João da Barra desta terça-feira (30), às 17h. 

NA DÚVIDA
Ainda não se sabe o real motivo da intimação da Polícia Federal, entretanto, há dúvidas de que seja pelo fato que ocorreu no Edifício Sunset, em Campos, cujo vereador aparece nas filmagens entrando e saindo às vésperas das eleições municipais, em atitudes suspeitas. O senhor Jakson Meireles, por exemplo, um dos principais responsáveis pela Operação Machadada, em São João da Barra, disse que naquela madrugada ele pegou R$ 27.000,00 (vinte e sete mil reais) para boca de urna. LEIA MAIS.




Fonte: Portal OZK

segunda-feira, 29 de junho de 2015

EXERCENDO O DIREITO DE RESPOSTA: CARLA MACHADO E ALEXANDRE ROSA EM RÁDIO DE SJB

(Foto: Ralph Braz)
A ex-prefeita Carla Machado(PT) e o vice-prefeito Alexandre Rosa(PMDB) estarão na 'rádio comunitária' de São João da Barra nesta terça-feira (30), exercendo o direito de resposta, das 10h50 às 12h.
 

Carla Machado, publicou na noite desta segunda-feira(29), em seu perfil pessoal no facebook, o requerimento de direito a resposta para as  calunias infundadas e  ditas a seu respeito e do então vice-prefeito Alexandre Rosa, sobre "operação Machada", onde recentemente foi esclarecido que a ex-prefeita foi vítima de uma "articulação" política, com o objetivo de lhe incriminar.



ENTENDA O CASO

Um dos principais personagens da Operação Machadada, deflagrada em 2012 pela Polícia Federal, Jakson Meireles, então candidato a vereador que gravou conversas usadas como provas na investigação, revelou na tarde deste sábado (27), durante um programa de rádio apresentado por Carla Machado, que “tudo foi uma farsa”. Segundo Jakson, ele recebeu R$ 60 mil para procurar candidatos do então grupo governista, insinuar insatisfação com o seu grupo político e gravar as conversas depois utilizadas como provas para o crime de formação de quadrilha e assédio a candidatos do seu grupo. A operação culminou com a prisão em flagrante de Carla e Alexandre Rosa (PMDB) — à época candidato a vice-prefeito —, às vésperas da disputa eleitoral. O então candidato a vereador Zezinho Camarão e Betinho Dauaire (PR), candidato a prefeito, estariam, segundo ele, envolvidos diretamente na trama.

Jakson diz que teria sido induzido a seduzir candidatos do grupo governista para serem pegos numa gravação. “Sabíamos que a eleição estava perdida, mas poderíamos reverter no tapetão”. Ainda de acordo com Jakson, teria sido o também candidato a vereador, e desafeto declarado da ex-prefeita Carla, Zezinho Camarão quem o induziu a forjar tais provas, tendo como promessa “muito dinheiro e uma secretaria”.

— Camarão me chamou para que eu tivesse contato com vereadores da situação. Fui iludido, que ganharia muito dinheiro, teria secretaria. Camarão me instruiu em tudo que eu teria que falar enquanto gravava a conversa — relatou Jakson, alegando que era ele quem procurava o grupo governista, não o contrário, como foi relatado à época.

A primeira candidata a ser sondada por Jakson, à época, teria sido Soninha Pereira (PT), mas as conversas não evoluíram a ponto que, segundo ele, pudesse ser usado como algo suspeito. Depois, Jakson diz ter procurado Alex Firme (PMDB). Alex teria tido resistência inicial ao diálogo, mas Jakson usou como intermediário um amigo em comum, identificado como Fernando, para conseguir chegar a Alex e, posteriormente, gravar o diálogo.

Depois, Jakson buscou a então prefeita Carla Machado. Para intermediar o encontro, ele utilizou mais uma vez de um amigo em comum, neste caso, o então secretário de Pesca Eleilton Meireles. Jakson diz que gravou a conversa e apresentou ao seu grupo político. Ainda segundo ele, outro candidato do grupo de oposição, Rodrigo Rocha, gravou uma conversa com o candidato a vice-prefeito, Alexandre.

Já na reta final da campanha, Jakson procurou o candidato Elísio Rodrigues, o Elísio Motos (PDT), para conversar e gravar. Segundo Jakson, o pedido teria partido de Camarão e do então candidato a prefeito Betinho Dauaire (PR). Jakson relatou que os dois estiveram em sua casa para pedir que ele procurasse o candidato. Essa gravação foi essencial para a prisão de Carla e Alexandre em flagrante por formação de quadrilha, pois chegaria ao número de quatro envolvidos e continuidade de cooptação de candidatos do grupo oposicionista. “Camarão e Betinho foram a minha casa e pediram para gravar a conversa com Elísio, dizer que não ia bem na campanha, íamos perder a eleição”.





Fonte: Blog Pense Diferente | Facebook | Portal OZK

ROSINHA GASTOU EM TRÊS ANOS R$ 1, 4 MILHÃO COM PASSAGENS AÉREAS

(Foto: Ralph Braz)
Em 2013 o blog do jornalista Ricardo André Vasconcelos publicou nota informando que a Prefeitura gastou R$ 585 mil com passagens aéreas. Posteriormente, em 2014, através do Processo número: 2014.019.000595-8, a Prefeitura contratou empresa especializada em fornecimento de passagens aéreas para atender as necessidades da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima. Valor: R$ 200 mil.

Agora, só nos três primeiros meses de 2015, a Prefeitura gastou mais de R$ 140 mil com passagens aéreas.

Para completar, foi publicado no Diário Oficial de hoje (29), conforme o blog “Na Curva do Rio” mostrou, um novo contrato de R$ 460 mil com a empresa L.M Viagens e Turismo. O prazo do contrato é de 12 meses. Ou seja, prevê um gasto mensal de R$ 38 mil. E tudo isso em tempos de crise.

Somando os contratos dos anos de 2013, 2014 e 2015, a Prefeitura de Campos já gastou cerca de R$ 1,4 milhão com passagens aéreas.





Fonte: Blog Eu penso que... | Blog do Bastos

ZECA CAMARGO CRITICA CRISTIANO ARAÚJO, DIZENDO QUE NÃO ERA "GRANDE ÍDOLO"


O ex-apresentador do Vídeo Show Zeca Camargo questionou a legitimidade da comoção nacional pela morte do cantor Cristiano Araújo na última semana. Em análise para o Jornal das Dez da Globo News, ele criticou a música sertaneja e sugeriu que o goiano, morto em um acidente de carro, não era um “ídolo de verdade”,
Relacionados

Logo no início do bloco J10 em Crônica, a apresentadora começa dizendo que Cristiano não era conhecido “nos grandes centros”, mas que era capaz de arrastar multidões no “interior do País”. Zeca Camargo, por sua vez, assegura que muita gente “estranhou” a comoção pela morte de Cristiano Araújo.

Entre as explicações para o suposto “estranhamento”, seria o tamanho do nosso território “cruzado” com nosso talento musical. Segundo o Zeca, “de uma hora para outra”, na última quarta-feira (29/6), fãs e “pessoas que não faziam ideia” de quem era Cristiano Araújo partiram para o “abraço coletivo”.

De acordo com o narrador, as pessoas precisam desse “abraço coletivo”, que vem em grandes funerais para expurgar dores como se tivessem capacidade purificadora. E cita as despedidas de Cazuza, Mamonas Assassinas, Lady Di, Michael Jackson e Ayrton Sena. “Mas como fomos capazes de nos deixar seduzir por uma figura relativamente desconhecida?”, questiona ele sobre Cristiano.

A resposta, segundo ele, está nos livros para colorir — caracterizados como os vilões do cenário pop, acusados de destacar “a pobreza da atual alma cultural brasileira”.

Zeca Camargo afirma que a morte de Cristiano e a cobertura de sua despedida pela mídia estão relacionadas justamente à ausência de fortes referências culturais de hoje em dia. Para ele, as pessoas criaram a ilusão da relevância do sertanejo. “Ao nos mostrarmos abalados com a ausência de Cristiano acreditamos estar de fato comovidos com a ausência de um grande ídolo e todos sabemos que não é bem assim”, critica.

O ex-apresentador do Vídeo Show aproveita para atacar, ainda, a música sertaneja que — mascarada sob a expressão “nossa canção popular”– é dominada, hoje, por revelações de uma música só, que “se entregam a uma alucinante agenda de shows para gerar um bom dinheiro antes que a faísca desse sucesso singular apague sem deixar uma chama duradoura”.

“E, nesse cenário, qualquer um pode, mesmo que por um dia, ser uma estrela maior. Teria sido esse o caso de Cristiano Araújo?”, questiona.

No Vídeo Show, desta segunda-feira(29/06), Zeca tentou se retratar sobre seu cometário, só que já começou com o pé esquerdo errando o nome do cantor, chamando de Cristiano "Ronaldo", com fez Fátima Bernardes.



Fonte: Jornal Opção

CORPO DE HOMEM ENCONTRADO DENTRO DE RESIDÊNCIA

(Foto: Ralph Braz)
O corpo de um homem de 46 anos foi encontrado dentro de uma residência no início da tarde desta segunda-feira (29), na rua José Geraldo Assed, no Parque Tarcísio Miranda, em Campos.

Segundo informações da Polícia Militar (PM), vizinhos teriam acionado a polícia, por volta de 12h desta segunda, após encontrarem a chave no portão da residência. O corpo foi encontrado em cima de uma cama. No quarto, de acordo com a PM, foram encontradas marcas de sangue. No entanto, ainda não se sabe a causa da morte. O corpo foi removido e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), da onde saíra o laudo.

De acordo com informações de moradores do bairro, o homem seria natural de Juiz de Fora, Minas Gerais, mas estaria morando em Campos e seria técnico de enfermagem.



Fonte: Folha da Manhã

MERCADO IMOBILIÁRIO CAMPISTA É DESTAQUE EM RANKING NACIONAL

(Foto: Ralph Braz)
Mesmo com recessão, inflação nas alturas, demissões e alto índice de férias coletivas em diversos setores da economia, bem como a redução no volume total de crédito disponível à população nacional através do Governo Federal nos últimos meses, o momento é oportuno para investidores em imóveis lucrarem no município de Campos dos Goytacazes. É o que revelam os dados de recente pesquisa feita pelo pela Prospecta Inteligência Imobiliária e publicada pela revista Infomoney. De acordo com o estudo, o município ocupa a 43ª colocação no ranking dos 100 melhores do país para investir no cenário imobiliário nos próximos meses. No estado do Rio de Janeiro, Campos está na quinta colocação, à frente de municípios como Macaé, Rio das Ostras e São João da Barra.

Dentre os fatores analisados, a demanda para absorver novos produtos foi o principal. A área, densidade, especulação e atuação de empresas de grande porte, taxa de urbanização, nível de escolaridade, dentre outros aspectos, também foram levados em conta.

— O mercado sempre observa o preço do metro quadrado, que refletem os valores de imóveis já vendidos. Mas, o que garante que uma cidade valorizada terá demanda para absorver novos produtos? A oferta já aconteceu. Para o que está por vir é preciso analisar a demanda, que define o que será comprado, quando e como — afirmou Cristiano Rabelo, diretor de Novos Negócios da Prospecta, à Infomoney.

De acordo com o presidente da Companhia de Desenvolvimento do Município de Campos (Codemca), a pesquisa propaga a visibilidade do município, frente ao território nacional, o que contribui para o aumento da consolidação da economia regional.

— O mercado aponta para tempos ainda mais aquecidos. Além de sermos privilegiados historicamente, em virtude do nosso pólo cerâmico e universitário, atualmente, temos a atenção nacional voltada para nossa região, graças a instalação de empreendimentos industriais, como o Porto do Açu e o Complexo Logístico e Industrial Farol/Barra do Furado. Isto atraiu, e continua atraindo, novos investidores e moradores. O resultado é o aumento da população, que se reflete, por fim, no crescimento do setor imobiliário — analisa.

Crescimento — De acordo com dados da secretaria de Desenvolvimento Econômico, o município registrou, nos últimos 5 anos, aumento de aproximadamente 20% de sua população não flutuante, saltando de 490 mil habitantes em 2010 para cerca de 600 mil em 2015.

— Devido aos fortes investimentos da iniciativa privada e as respostas do poder público em infraestrutura e incentivos, milhares de famílias brasileiras vindas dos mais diferentes estados estão migrando para o nosso município em busca de estudo, trabalho e qualidade de vida.

Incentivos do governo ainda são esperança

Em tempos de crédito caro e escasso, medidas anunciadas pelo Governo Federal no final do mês de maio ainda prometem reabrir as portas dos tempos de glória do mercado imobiliário. O pacote de incentivo reascendeu a oportunidade da população que almeja financiar imóveis de até 400 mil.

A nova liberação contará com mais de 4,2 bilhões de reais para a linha de financiamento imobiliário pró-cotista FGTS, com taxas de juros mais acessíveis do que as praticadas pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH).

O incentivo poderá ser aplicado a imóveis novos e usados, e permitirá que o saldo financiado alcance 90%, para créditos contratados através do Banco do Brasil (BB), e 80%, na Caixa Econômica Federal (CEF).




Fonte: Infomoney | Folha da Manhã

HORA DE ACEITAR A REALIDADE

(Foto: Ralph Braz)
Oficialmente os rosáceos vão atacar o instituto Pro4 para tentar desqualificar a pesquisa divulgada ontem (28) pela Folha. Porém, internamente, eles sabem que o governo Rosinha vive o seu pior momento. Falta dinheiro, comprometimento, aliados pularam do barco, áreas essenciais vão mal e existe uma grande dificuldade para elaborar uma agenda positiva. Ao mesmo tempo, os principais articuladores rosáceos sabem que nem tudo está perdido. Em 2014 o governador Sérgio Cabral (PMDB) tinha uma rejeição recorde e, mesmo assim, o seu candidato (Pezão) venceu a eleição.

Mal acostumados - O líder rosáceo sabe que é hora de aparar arestas e fazer política, mas esbarra em um sério problema. Nos últimos anos o seu grupo se acostumou a fazer política em tempos de “vacas gordas”. Agora, com a “vaca” indo para o brejo, falta aos aliados criatividade, competência e disposição para fazer política sem recursos. Isso sem falar nos eleitores, que ficaram bem “viciados”.

Leão solitário - É inegável a habilidade do ex-governador Anthony Garotinho (PR) para atuar na selva política. O problema é que ele se tornou um “leão solitário”. Enquanto os outros “leões” cultivaram parcerias e caçaram em grupo, Garotinho quis ser “rei”. Julgou, condenou e arrumou briga com os mais variados “animais”. Agora, de volta a sua terra natal, já com a “juba” branca, anda de um lado para o outro sem proteção e já não se “alimenta” tão bem como antes. Se ficar fraco, e desidratado, pode virar uma presa fácil. E sabe quem serão os primeiros a atacá-lo? As hienas e urubus e andavam ao lado dele.




Fonte: Blog do Bastos

HOMEM EXECUTADO COM VÁRIOS TIROS EM GUARUS

(Foto: Ralph Braz)
Um homem foi morto a tiros na manhã deste domingo (28), no bairro da Codin, em Guarus. O homicídio aconteceu na rua Murilo Peixoto, em uma área conhecida como Vila Industrial. Até o momento, nenhum suspeito foi localizado.

Policiais militares informaram que Joelson Carvalho dos Santos, de 34 anos, foi atingido por cinco tiros no rosto, nas costas, no braço e no peito. Ele era morador da rua Sapucainha, localizada perto do local do crime. A princípio, a vítima teria sido assassinada por um homem de bicicleta. Os moradores da área não souberam informar os detalhes.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas, ao chegar ao local, constatou que o homem havia morrido. O corpo de Joelson será encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso será registrado na 146ª Delegacia de Campos (Guarus).




fonte: Folha da Manhã

MULHER MORTA EM CASA, MARIDO DIZ QUE FOI ACIDENTE

(Foto: Ralph Braz)
A comerciária Eligia Rosário Ambrósio Von Held, de 29 anos, foi encontrada morta dentro de sua casa, no Parque Imperial, em Campos. O corpo de Eligia foi encontrado na tarde deste domingo(28), por volta das 15h30, com o pescoço quebrado ao lado da cama de um dos quartos. A polícia foi avisada do crime pelo advogado do marido da vítima, um petroleiro de iniciais C.O.S., de 37 anos, que diz ser inocente, sob alegação de que foi um acidente. Segundo ele, estava discutindo com a mulher quando ela levou uma queda da cama e quebrou o pescoço.

O advogado esteve na 134ª DP/Centro e relevou que o seu cliente o procurou e disse que a mulher havia morrido. A polícia enviou uma equipe ao local e constatou a morte.

C.O.S. trabalha na Petrobras como supervisor de plataforma. Ele foi visto pela última vez na noite de ontem, quando chegou à sua casa em companhia da mulher. A morte teria ocorrido por volta das 22h30.

Petroleiro se apresenta com advogado





Fonte: Campos 24 horas

domingo, 28 de junho de 2015

RAUL SEIXAS: O MITO FAZ 70 ANOS


Se ainda estivesse vivo, o cantor e compositor Raul Seixas (1945-1989) estaria completando neste 28 de junho 70 anos de idade e entrando assim numa etapa da vida em que já encontram – ou estão em vias de ingressar – vários contemporâneos seus, igualmente ídolos da música popular brasileira.

Como nos versos de um de seus primeiros sucessos, poderia continuar sendo “uma metamorfose ambulante”, sem ter “aquela velha opinião formada sobre tudo”. Ou então, contradizendo o que pregava para si mesmo na letra de outra canção, Ouro de Tolo, estar sentado “no trono de um apartamento, com a boca escancarada cheia de dentes, esperando a morte chegar”.

Morto prematuramente há quase 26 anos, Raul Seixas é um mito que permanece vivo e que a cada dia conquista novos fãs. É um ícone do rock brasileiro, que sucessivas gerações cultuam de forma espontânea, sem nenhuma estratégia de marketing neste sentido, como é comum nas últimas décadas com diversos ídolos do cenário pop mundial.

“Eu não tenho medo de morrer. Tenho medo de que me esqueçam”, disse Raul em uma das inúmeras fitas que deixou em seu famoso baú. Como acontece com muitos artistas, Raul Seixas tinha medo de ser esquecido e preocupado com a posteridade cultivava o curioso hábito de se autoentrevistar, gravando essas entrevistas em fitas de rolo ou cassete.

Hoje os escritos e depoimentos gravados do “maluco beleza” percorrem o Brasil na voz do ator Roberto Bontempo, que há 15 anos encena o espetáculo Raul fora da lei – a história de Raul Seixas. A peça é um musical diferente, em que não há o texto de um autor para contar a história do artista.

“Tudo o que eu falo na peça são escritos do próprio Raul. E acho que é por isso que o público se identifica demais com o espetáculo, o que explica a longevidade dele”, comenta Bontempo, que nos últimos dias 19 e 20 apresentou mais uma vez no Rio, no Teatro Rival, o musical, que tem direção de Luiz Arthur Nunes e José Joffily.

Fã de Raul desde jovem, o ator conta que a ideia de montar o espetáculo surgiu quando leu O Baú do Raul, livro que reúne os escritos dos diários do cantor. Organizado pela penúltima mulher de Raúl, Kika Seixas e pelo crítico musical Tárik de Souza, o livro foi lançado em 1992 e desde então já teve sucessivas edições.

“Resolvi fazer o espetáculo para botar o pensamento do Raul no palco. E aí entrei em contato com a família dele, com a filha, com a Kika Seixas, com a mãe do Raul, ainda viva na época. Fui me aproximando das pessoas que conviveram com o Raul. E a partir daí fiz o roteiro do espetáculo, juntamente com os diretores,” conta Bontempo.

Para o ator, Raul Seixas foi uma pessoa muito à frente de seu tempo e isso assegura a atualidade de seus escritos, de suas ideias – como a da Sociedade Alternativa - e de suas músicas. “É uma obra atemporal. O Raul falava do universo, do mundo, de uma forma muito ampla, abrangente, metafórica e isso acaba não envelhecendo. Pelo contrário, se torna eterno”, avalia. 

Nascido em Salvador, no dia 28 de junho de 1945, Raul Seixas era um adolescente quando o rock surgiu no cenário musical dos anos 50 e chegou ao Brasil. Uma febre que contagiou jovens nordestinos em plena época em que o baião e seu criador, Luiz Gonzaga, predominavam nas rádios e nos bailes da região.

Fascinado pelo rock e pelo gestual de Elvis Presley, o adolescente Raul assistia a todas as sessões de um filme do cantor, Balada Sangrenta (1958), em cartaz na capital baiana naquela época. Em outro estado do Nordeste, um adolescente paraibano, dois anos mais novo que Raul, via o mesmo filme com idêntica fascinação.

Admirador de Raul, embora nunca tenha sido exatamente um fã dele, o cineasta Walter Carvalho – o adolescente paraibano que também curtia Elvis – veio a se tornar o diretor do documentário Raul, o início, o fim e o meio, filme biográfico sobre a obra do cantor e compositor, lançado em 2012. Convidado pela distribuidora Paramount, Carvalho, documentarista e diretor de fotografia consagrado, aceitou dirigir o filme.




Fonte: Exame

PENSE TENDÊNCIAS: FASHION FITNESS



Cuidar do corpo, hoje em dia, está super em alta. Seja nas ruas, nas academias, nos clubes e até mesmo em casa, as pessoas estão buscando o bem estar físico e mental. Mas tudo isso sem sair da moda. 

Além de peças super fashion, as principais preocupações são conforto e durabilidade. 

Quando o assunto é malhar a moda oferece grandes opções, de tecidos, modelos e cores, todos dentro das tendências da estação. Não é por que são para fitness que as roupas não podem ser bonitas e com designer moderno, pelo contrário, elas precisam ser de excelente qualidade com cortes perfeitos e que permitam a realização de diversos movimentos aeróbicos. 

Foi-se o tempo em que os esportistas tinham que malhar com roupas grossas e pesadas. Hoje, o algodão foi praticamente substituído pelos fios sintéticos, como o poliéster e a poliamida, mais leves e arejados. Há também nas lojas uma série de tecidos inteligentes que ajudam desde a controlar o suor até evitar lesões e aumentar a performance no esporte. A tecnologia está sempre em constante evolução para beneficiar a humanidade, e a cada novo experimento, uma nova ideia surge e os consumidores são os que mais lucram com essas novidades, como é o caso do tecido inteligente. Os atletas passaram a se sentir bem melhor depois que passaram a usar as roupas confeccionadas com o tecido inteligente e melhoraram cem por cento no seu desempenho. 


Para Absorver o Suor 

Temos o Dry-Fit que tem uma camada das chamadas fibras hidrofóbicas, que não absorvem água. 

O Climalite, além de jogar o suor para fora, tem telinhas para ventilação em locais estratégicos, como debaixo do braço. 

E o Gore-Tex que como Dri-fit, o Gore-Tex possui micro poros que permitem a saída das gotas de suor. 


Para Controlar o Odor 

São conhecidos como antimicrobianos, possuem uma camada de íons de prata que inibem a proliferação de bactérias, que provocam mau cheiro. 


Para Proteção Solar 

Normalmente identificados como tecidos Proteção UV, são revestidos com uma camada de dióxido de titânio, substância usada nos protetores solares para o corpo, com FPS 50, absorvendo 98% dos raios e reduzindo em 20 vezes a exposição da pele.


Para Controlar Fadigas e Lesões 

Há dois principais tipos: os tecidos de compressão e o Emana. O primeiro leva uma dose extra de elastano, que mantém o músculo levemente comprimido, aumentando a circulação do sangue e, com isso, a potência. Estudos mostram que a compressão muscular deixa você de 10% a 20% mais forte em esportes que exigem arranque ou impulso. O elastano também retém calor, mantendo o músculo aquecido e evitando cãibras, fadiga e lesões.


Além de serem bem justas, é preciso tomar certos cuidados na escolha desse tipo de vestuário, afim de que elas escondam certas imperfeições e valorizem o corpo. 

Em vista de cada tipo de corpo é necessário ficar atenta ao tipo de roupa ideal para fitness. 

Pessoas baixas e magras podem usar bermudas, regatas justas e tops, mas as baixas e mais gordas Além de serem bem justas, é preciso tomar certos cuidados na escolha desse tipo de vestuário, afim de que elas escondam certas imperfeições e valorizem o corpo. 

Em vista de cada tipo de corpo é necessário ficar atenta ao tipo de roupa ideal para fitness. 

Pessoas baixas e magras podem usar bermudas, regatas justas e tops, mas as baixas e mais gordas devem optar por camisetas mais soltas até o cós que não marcam muito a silhueta cheinha. e vem optar por camisetas mais soltas até o cós que não marcam muito a silhueta cheinha.


As mulheres de busto grande sentem muito desconforto na hora de fazer exercícios físicos, por causa do movimento dos seios. Por isso, na hora de escolher a roupa de ginástica é importante saber fazer a escolha certa, tops com boa sustentação e que não deixem os peitos achatados. Uma dica é usar tops com decotes em ”V” e redondos até a altura do colo, são ótimos para dar a impressão de bustos menores. Já as mulheres que tem seios pequenos é indicado usar tops transpassados, esses modelos criam a impressão de mais volume.


O importante é usar peças que harmonizam as duas partes do corpo, deixando o look interessante e alinhado entre pernas e braços. Mulheres com as pernas curtas e finas, devem optar por shorts curtos e bermudas com detalhes diagonais. E para as que têm as pernas grossas deve optar por detalhes verticais, as calças que terminam na altura dos joelhos e as com estilo moletom são excelentes e realçam as curvas.


Mas não posso deixar de falar das roupas mais fashion, daquelas que são puro estilo, quando se chega em uma academia todos olham. 

Mesclando conforto, praticidade, tecnologia e ousadia é chegar e arrasar...


Claro que os acessórios não podem ficar de fora, até porque sem eles o look não está completo.

Rapazes, não precisam se preocupar, vocês também podem “puxar ferro” e ficar na moda também.


Agora, duas coisas trash são, primeiro, o Meião de Academia. Dizem que é para proteger a pele das caneleiras que estão suadas. Tá, porque não limpar as caneleiras antes e após o uso? E outra coisa, levante esse meião somente na hora em que for usar as caneleiras. Oh troço estranho...

E, segundo, usar roupas de academia o dia todo, ir ao banco, shopping, restaurante. Gente, roupa de academia é para ir à academia, caso tenha algum compromisso após os treinos ou troque de roupa ou leve alguma peça que possa ser usada sobre a roupa da academia.


Saúde é vida...





MULHER MORRE EM COLISÃO NA BR-101

(Foto: Ralph Braz)
Uma mulher morreu após a colisão entre dois carros no km 55 da BR 101, próximo ao bairro Canaã, em Guarus. O acidente aconteceu na noite deste sábado (27).

A Polícia Civil informou que a colisão envolveu um Pálio Weekend, com quatro pessoas, e um Polo, com o motorista e a vítima, Rejane Cardoso de Souza, de 38 anos. Os carros colidiram frontalmente.

Rejane morreu no local. O condutor do veículo, de 31 anos, e os ocupantes do outro veículo foram encaminhados para o Hospital Ferreira Machado (HFM).

O corpo da mulher foi levado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso foi registrado na 146ª Delegacia Legal (Centro).






Fonte: Folha da Manhã

“Recebi R$ 60 mil para forjar provas na Operação Machadada”, diz envolvido

(Foto: Ralph Braz)
Um dos principais personagens da Operação Machadada, deflagrada em 2012 pela Polícia Federal, Jakson Meireles, então candidato a vereador que gravou conversas usadas como provas na investigação, revelou na tarde deste sábado (27), durante um programa de rádio apresentado por Carla Machado, que “tudo foi uma farsa”. Segundo Jakson, ele recebeu R$ 60 mil para procurar candidatos do então grupo governista, insinuar insatisfação com o seu grupo político e gravar as conversas depois utilizadas como provas para o crime de formação de quadrilha e assédio a candidatos do seu grupo. A operação culminou com a prisão em flagrante de Carla e Alexandre Rosa (PMDB) — à época candidato a vice-prefeito —, às vésperas da disputa eleitoral. O então candidato a vereador Zezinho Camarão e Betinho Dauaire (PR), candidato a prefeito, estariam, segundo ele, envolvidos diretamente na trama.

Jakson diz que teria sido induzido a seduzir candidatos do grupo governista para serem pegos numa gravação. “Sabíamos que a eleição estava perdida, mas poderíamos reverter no tapetão”. Ainda de acordo com Jakson, teria sido o também candidato a vereador, e desafeto declarado da ex-prefeita Carla, Zezinho Camarão quem o induziu a forjar tais provas, tendo como promessa “muito dinheiro e uma secretaria”.

— Camarão me chamou para que eu tivesse contato com vereadores da situação. Fui iludido, que ganharia muito dinheiro, teria secretaria. Camarão me instruiu em tudo que eu teria que falar enquanto gravava a conversa — relatou Jakson, alegando que era ele quem procurava o grupo governista, não o contrário, como foi relatado à época.

A primeira candidata a ser sondada por Jakson, à época, teria sido Soninha Pereira (PT), mas as conversas não evoluíram a ponto que, segundo ele, pudesse ser usado como algo suspeito. Depois, Jakson diz ter procurado Alex Firme (PMDB). Alex teria tido resistência inicial ao diálogo, mas Jakson usou como intermediário um amigo em comum, identificado como Fernando, para conseguir chegar a Alex e, posteriormente, gravar o diálogo.

Depois, Jakson buscou a então prefeita Carla Machado. Para intermediar o encontro, ele utilizou mais uma vez de um amigo em comum, neste caso, o então secretário de Pesca Eleilton Meireles. Jakson diz que gravou a conversa e apresentou ao seu grupo político. Ainda segundo ele, outro candidato do grupo de oposição, Rodrigo Rocha, gravou uma conversa com o candidato a vice-prefeito, Alexandre.

Já na reta final da campanha, Jakson procurou o candidato Elísio Rodrigues, o Elísio Motos (PDT), para conversar e gravar. Segundo Jakson, o pedido teria partido de Camarão e do então candidato a prefeito Betinho Dauaire (PR). Jakson relatou que os dois estiveram em sua casa para pedir que ele procurasse o candidato. Essa gravação foi essencial para a prisão de Carla e Alexandre em flagrante por formação de quadrilha, pois chegaria ao número de quatro envolvidos e continuidade de cooptação de candidatos do grupo oposicionista. “Camarão e Betinho foram a minha casa e pediram para gravar a conversa com Elísio, dizer que não ia bem na campanha, íamos perder a eleição”.

Operação Machadada — Desencadeada pela Polícia Federal em São João da Barra às vésperas da eleição municipal, na madrugada de 3 de outubro de 2012, a operação culminou com as prisões de Carla Machado e Alexandre Rosa, por suspeita de cooptação de políticos da oposição e formação de quadrilha. Apesar de não alterar o resultado das eleições, a operação teve como consequências ações judiciais na esfera eleitoral e criminal. No Facebook (aqui), Carla comemorou as declarações de Jakson, que, segundo ela, serão usadas no processo. “Hoje para mim é um dia muito feliz! Graças a Deus toda a trama organizada por Zezinho Camarão e Betinho Dauaire (Partido da República-PR) que teve a aquiescência do Delegado Paulo Cassiano foi revelada em nosso programa há pouco”, escreveu.

Durante o programa, Carla também relatou que as declarações de Jakson revelavam o porquê do então deputado federal Anthony Garotinho (PR) ter afirmado (aqui) que ela seria preso meses antes do fato ocorrer.

“Recebi R$ 27 mil para compra de votos no edifício Sunset”, relata Jakson

Além de falar sobre a trama que teria sido montada para incriminar a ex-prefeita Carla Machado e o hoje vice-prefeito Alexandre Rosa (PMDB), com o objetivo de mandato do prefeito Neco (PMDB), Jakson afirmou que recebeu R$ 27 mil na véspera da eleição para a compra de voto.

Uma denúncia de movimentação suspeita nesse edifício na noite que antecedeu o pleito de 2012 foi publicada nas redes sociais por Carla Machado, conforme o site SJB Online relatou aqui. “Recebi R$ 60 mil (pelas gravações) e no Sunset, para compra de voto, R$ 27 mil. Quem me passou o dinheiro foi um tal de Lucas Assed. Tinha mais dinheiro lá (no apartamento)”, afirmou Jakson, que, durante o programa, não deixou claro que o entregou os R$ 60 mil para forjar as provas.

Jakson relatou ainda que outros candidatos do grupo de oposição estariam cientes de toda a trama e que o prefeito Neco tomou conhecimento de toda suposta farsa em 2013, no início do seu mandato.





Fonte: Folha da Manhã | Blog do Arnaldo Neto

sábado, 27 de junho de 2015

POPULAÇÃO INSATISFEITA COM NECO, COMPARECE EM PESO A MANIFESTAÇÃO EM GRUSSAÍ, SJB


(Fotos: Ralph Braz)
A Manifestação organizada pelo MOVIMENTO SÃO JOÃO DA BARRA LIVRE, que foi realizada, na tarde deste sábado em Grussaí para reivindicar a retomada das obras de uma CRECHE que está inacabada desde 2013, levou centenas de pessoas para frente da Creche. 


O descaso da prefeitura que nada fez nesses 02 anos e meio é motivo de revolta dos moradores.. Vale ressaltar que a creche estava sendo construída com recursos do município e foi deixado por nós o correspondente financeiro (dinheiro) para arcar com a sua conclusão. A justificativa dada pela PMSJB é que ela confronta com uma área particular, o que pelas fotos comprova-se que isso é mais uma mentira. 

Além dos moradores do bairro, estiveram presentes, os veículos de comunicação, Portal OZK, O Blog Pense Diferente, e o SJBarra News.



Também participaram da manifestação o vice-prefeito do município Alexandre Rosa(PMDB), o vereador Alex Siqueira (PMDB), lideranças comunitárias e de bairro como o Luciano Barreto, Alexandre Magno e Tulliane Aquino, presidente e vice-presidente do movimento São João da Barra Livre e formadores de opinião.




Várias moradoras do bairro, relataram a sua insatisfação com o descaso do governo do prefeito José Amaro Martins, Neco (PMDB), com as mães e seus filhos, já que as mesmas tem se deslocar para outros bairros, ou mesmo para a sede do município.




 
 














Fonte: Blog Pense Diferente